Pular para o conteúdo principal

Grupo Servnac comemora título do Ferroviário na Série D e exposição positiva da marca


No início de 2018, talvez nem o mais otimista torcedor do Ferroviário imaginasse que o ano seria tão especial. O ápice da bela trajetória coral ocorreu no último sábado (04), em Campina Grande (PB), com o troféu do título da Série D – primeira conquista depois de 23 anos. Ao longo do ano, o Ferroviário estampou a marca do Grupo Servnac.

A empresa cearense acreditou no projeto de retomada coral e patrocinou o Ferrão desde o início da temporada. O investimento teve um retorno bastante expressivo, por conta da exposição positiva da marca. A Servnac pretende manter a parceria em 2019.


Com o calendário cheio, a equipe participou de quatro competições na temporada. Além do Campeonato Brasileiro, disputou o Campeonato Cearense, a Copa do Nordeste e fez uma ótima campanha na Copa do Brasil, parando apenas na 4ª fase diante do Atlético Mineiro. O time coral ainda tem um desafio em 2018: a disputa da Taça Fares Lopes, cujo vencedor garante vaga na Copa do Brasil.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…