sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Marido da prefeita afastada de Capistrano continua foragido

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), com apoio da Polícia Civil cumpriu, no dia 13, uma série de medidas cautelares, dentre elas, buscas e apreensões, notificações de afastamento, prisões temporárias e preventivas no município de Capistrano. Este episódio, conhecido como “Operação Laços de Família”, desbaratou o esquema de desvio de dinheiro público da ordem de quase R$ 1,4 milhão da Prefeitura daquela cidade. A prefeita, Inês Nascimento de Oliveira, foi afastada do cargo e seis pessoas ligadas a ela foram presas. Porém, a única medida não cumprida foi a prisão preventiva do esposo da prefeita, Antônio Ferreira de Carvalho, conhecido como Joacir, que se encontra foragido.
Por este motivo, os promotores de Justiça atuantes no caso solicitam à população que qualquer informação que possa apontar o paradeiro de Joacir seja encaminhada ao e-mail do promotor de Justiça Breno Rangel Costa: breno.costa@mpce.mp.br ou denunciada à Polícia Civil por meio do número 190. Apesar de não ocupar nenhum cargo ou função pública no município, o marido da prefeita, Antônio Ferreira de Carvalho (Joacir), possuía grande poder de intervenção nas decisões tomadas pela atual gestão, sendo responsável por ordenar diversos atos ilegais em vários setores da administração, que ocasionaram desvio de dinheiro público, beneficiando a si, seus filhos e aliados políticos.
As provas colhidas durante as investigações apontaram que a empresa Francisco Alexandre Marinho Ferreira – ME logrou êxito num pregão presencial, ocorrido em março de 2017, orçado em R$ 528.305,43, cujo objeto era a aquisição de pneus, câmaras de ar e protetores destinados à manutenção dos veículos da frota das unidades administrativas do município e, posteriormente, em outro pregão presencial, ocorrido em julho de 2017, orçado em R$ 862.868,00, cujo objeto era a aquisição de materiais de consumo destinados à manutenção dos veículos da frota das unidades administrativas do município.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.