#audioinclui

sexta-feira, 5 de abril de 2019

[SAÚDE] Exercícios ajudam no tratamento de doenças nas articulações


Pesquisa divulgada em 2018 pela Universidade de Ciências Aplicadas de Zurique (Suíça) relevou que que o esporte é pilar primordial no tratamento de doenças que estão ligadas as articulações e tem um papel tão decisivo quanto as medicações usadas de rotina. Segundo o estudo, vale investir na parte aeróbica, treinamentos de força e aqueles que foquem no equilíbrio e alongamento. Academias de Fortaleza, como por exemplo a Ayo Fitness Club, estão investindo cada vez mais em equipamentos e atividades que possam auxiliar nesse sentido.

De acordo com a diretora da Ayo Fitness Club, Sasha Revees, têm-se aumentado a procura por exercícios que possam auxiliar no tratamento das doenças nas articulações. “Nesse grupo de atividades físicas os mais solicitados são a dança e pilates. Tais exercícios são importantes porque ajudam a retardar a perda de massa óssea causada pela artrite, diminuindo as chances de osteoporose no futuro”, explicou.

O pilates se apresenta como uma atividade que proporciona o aumento da força no centro do corpo, é o que explica a fisioterapeuta Simony Teles. “É um dos exercícios mais indicados pelos médicos e especialistas para pacientes que estão nessa situação, tendo em vista que melhora o equilíbrio, o controle postural, previne as dores e ajuda na melhora dos movimentos diários e da coordenação. Além disso, os exercícios são de baixo impacto nas articulações e melhoram a mobilidade”, disse.

Especialistas afirmam que quando as dores e os inchaços diminuírem passando o período da crise, a prescrição dos exercícios de pilates podem progredir aos poucos, sem exageros, com a possibilidade de realizar também nesse momento o equilíbrio muscular através da força e a flexibilidade dos músculos debilitados.

Musculação e Artrite: é possível?

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a musculação é uma das práticas mais recomendadas por ortopedistas e reumatologistas quando se fala em artrite. A profissional de educação física da Ayo, Brigida Gaya, explica que o fortalecimento muscular melhora a estabilidade da articulação e alivia a dor. “Por meio da musculação, é possível fortalecer os tendões e melhorando a vitalidade das cartilagens combatendo o estado inflamatório, além de reduzir a perda óssea muito comum nos pacientes idosos”. No entanto, o professor alerta para a musculação com a presença de dores articulares. “O mais recomendado é que os exercícios sejam adaptados para não forçarem as estruturas e as cargas sejam reduzidas, ou seja, não se deve treinar pesado em períodos de crise”, conclui Brigida.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.