#audioinclui

terça-feira, 27 de agosto de 2019

CMFor anuncia composição da Frente Parlamentar de Luta contra a AIDS

Durante a sessão ordinária desta terça-feira, 27, o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Antônio Henrique (PDT) oficializou a criação da Frente Parlamentar de Luta contra a AIDS, requerida pelo vereador Dr. Eron (PP), através do Requerimento 634/2019 .
Dr. Eron destacou o compromisso social e humanitário do Legislativo Municipal ao abraçar a causa e informou que a Frente irá atuar em parceria com as entidades sociais, a fim de fiscalizar e sensibilizar o Executivo sobre a necessidade de políticas públicas voltadas para a prevenção, combate e a melhoria da qualidade de vida dos pacientes com HIV.
Irão compor a Frente os vereadores: Dr. Eron (PP), Evaldo Lima (PCdoB), Plácido Filho (PSDB), Dr. Porto (PRTB), Ronivaldo (PT), Sargento Reginauro (sem partido) e Raimundo Filho (PRTB). A Frente só será instalada após a realização de uma reunião para a escolha do presidente e vice-presidente.
“Queria aqui agradecer à Câmara por esse entendimento de cidadania e acima de tudo pelo compromisso social e humanitário, ao aprovar e instalar a Frente. Registrar aqui o reconhecimento ao trabalho de todos os membros e ao ex vereador e deputado Acrísio Sena que encampou essa luta. Recebemos hoje aqui, até quebrando o protocolo, quatro representantes dos movimentos em defesa dos portadores do HIV pois sabemos da importância de avançar nessa demanda. Vamos trabalhar na Frente, acima de tudo a conscientização dos jovens e adolescentes. Essa luta será de todos nós!”, afirmou o parlamentar.
O assunto também foi destaque na fala do vereador Dr. Eron, durante o seu pronunciamento no Pequeno Expediente de hoje. “É uma satisfação pois hoje a Câmara está marcando o compromisso social ao trabalhar mais uma política pública na luta contra a AIDS. Nós precisamos educar a sociedade sobre a importância da prevenção, combater o preconceito e acolher as pessoas portadores da doença. Acima de tudo trabalhar o respeito e lutar pelos seus direitos”, ressaltou o parlamentar.
Conforme o requerimento, a Frente terá como objetivos primordiais estabelecer e solidificar parcerias com os movimentos sociais organizados com a finalidade de unir forças para o enfrentamento da AIDS, seja no que diz respeito a prevenção, ao combate e melhoria da qualidade de vida dos pacientes, bem como na garantia de direitos.
Dessa forma, a Frente Parlamentar de Luta contra a AIDS terá como estratégias: promover articulações com o Poder Público a fim de efetivar políticas públicas de prevenção, contra a discriminação, e para a melhoria da qualidade de vida das pessoas portadores do vírus HIV; realizar audiências públicas, receber as denúncias de violações de direitos e cobrar das autoridades os devidos esclarecimentos e respostas, elaborar proposições e acompanhar a tramitação dos projetos, na busca do aperfeiçoamento da legislação, além de consolidar uma agenda sobre a temática, em consonância com os movimentos e entidades sociais envolvidos.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.