#audioinclui

terça-feira, 20 de agosto de 2019

*PSDB Ceará divulga nota em solidariedade a Geraldo Alckmin*


O presidente do PSDB Ceará, Luiz Pontes, lançou nesta segunda-feira (19) uma nota oficial encaminhada à direção nacional do partido manifestando solidariedade ao ex-governador Geraldo Alckmin, na qual condena a “falta de humildade e descortesia” do deputado federal Alexandre Frota durante ato de filiação na última sexta-feira (16), ao não reconhecer os excessos cometidos contra o então candidato tucano à Presidência nas Eleições de 2018. Na ocasião, o então pré-candidato a deputado federal Alexandre Frota, ainda no PSL de Jair Bolsonaro, divulgou um vídeo com duras ofensas pessoais a Geraldo Alckmin.

“Alexandre Frota chega ao partido falando de um Novo PSDB que não se enquadra, pela sua falta de humildade, em nenhum padrão civilizado de conduta. É lamentável que nenhum dos presentes ao ato de filiação do agora deputado tucano tenha manifestado qualquer esboço em defesa de Alckmin à descortesia do recém-filiado”, ressalta Luiz Pontes.

Para o dirigente tucano, “Parece que nada mais constrange o partido que foi fundado por grandes nomes da política brasileira. O PSDB de Mário Covas, Franco Montoro, Sérgio Motta, José Richa e que ainda mantém em suas fileiras nomes respeitáveis como FHC, José Serra, Tasso Jereissati e tantos outros, não merece ter entre seus quadros pessoas que não têm a honradez de defender seus pares e o próprio partido no qual militam”.

*Confira a nota na íntegra:*

*Nota de Solidariedade a Geraldo Alckmin – PSDB Ceará*

O *PSDB do Ceará* recebe com desencanto e frustração os atos decorrentes da filiação do deputado federal Alexandre Frota às hostes do partido, diante da falta de humildade e cortesia do recém-chegado com um dos nossos mais notórios quadros históricos: Geraldo Alckmin, três vezes governador de São Paulo, ex-presidente nacional do partido e por duas vezes nosso candidato à Presidência da República.

Entendemos como normais os embates políticos, as divergências de posicionamento e, às vezes, excessos que acabam sendo cometidos, como as duras críticas proferidas por Alexandre Frota na campanha eleitoral de 2018, ao PSDB e Geraldo Alckmin, por aliança partidária feita à época com siglas do chamado Centrão.

Nosso desagrado se manifesta quando o deputado Alexandre Frota deixou de lado uma necessária mea culpa, desconsiderando seus excessos do passado, para reafirmar que não teria que pedir desculpas a ninguém, muito menos a Geraldo Alckmin, alvo de sua fúria verbal e inescrupulosa.

Alexandre Frota chega ao partido falando de um Novo PSDB que não se enquadra, pela sua falta de humildade, em nenhum padrão civilizado de conduta. É lamentável que nenhum dos presentes ao ato de filiação do agora deputado tucano tenha manifestado qualquer esboço em defesa de Alckmin à descortesia do recém-filiado.


Parece que nada mais constrange o partido que foi fundado por grandes nomes da política brasileira. O PSDB de Mário Covas, Franco Montoro, Sérgio Motta, José Richa e que ainda mantém em suas fileiras nomes respeitáveis como FHC, José Serra, Tasso Jereissati e tantos outros, não merece ter entre seus quadros pessoas que não têm a honradez de defender seus pares e o próprio partido no qual militam.

Nós do PSDB Ceará acreditamos no diálogo como forma de convivência, resolução de conflitos e humildade nos nossos atos para que possamos continuar lutando por um novo tempo para o Brasil.  Queremos sim um Novo PSDB, mais fraterno, disposto a honrar as instituições, mas com respeito ao próximo, exemplo a ser seguido interna corporis.

*Ceará, 19 de agosto de 2019*
*Luiz Pontes, presidente do PSDB Ceará*

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.