Pular para o conteúdo principal

Solidariedade Expressa: Correios apoia distribuição de donativos em Minas Gerais



Os Correios estão colaborando com a força-tarefa especial realizada pelo governo de Minas Gerais, que tem como objetivo ajudar as famílias atingidas pelas fortes chuvas que ocorrem no Estado. A estatal trabalha na distribuição dos donativos que estão sendo arrecadados em Belo Horizonte e levados para as cidades mineiras de Raposos, Montes Claros, Almenara, Manhuaçu e Governador Valadares.

Na madrugada desta quinta-feira
 (30), a iniciativa contou com a atuação de dezenas de empregados dos Correios, além do uso de veículos de grande porte, que estão alocados para fazer o transporte de colchões, kits de higiene e limpeza e cestas básicas. Cerca de 100 toneladas de material arrecadado já foi transportado pelos Correios.

O trabalho de recolhimento das doações está sendo conduzido pela Defesa Civil e Polícia Militar estaduais, em parceria com o Serviço Voluntário de Assistência Social (SERVAS), entidade sem fins lucrativos. A população pode ajudar com doações. 
Confira aqui os pontos de entrega.

Solidariedade Expressa – A presença dos Correios em todo o Brasil e a sua capacidade logística contribuem para o desempenho do seu papel de agente de integração nacional. No contexto de mobilização social, em resposta a desastres naturais e de ajuda humanitária, historicamente a empresa realiza, em âmbito nacional, a ação “Correios Solidariedade Expressa”. A iniciativa consiste no transporte de donativos destinados às vítimas dos municípios e estados em situação de emergência ou calamidade pública oficialmente decretados. Responsabilidade, respeito às pessoas e integridade são alguns dos valores que definem a identidade corporativa da estatal.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…