Pular para o conteúdo principal

Decreto determina fechamento do Comércio no Ceará

Camilo Santana decretou medidas mais duras para conter o avanço do coronavírus no Ceará. Em pronunciamento via Facebook, na noite desta quinta-feira (19), o governador anunciou o fechamento do comércio local, como bares, restaurantes e lojas a partir desta sexta-feira (20) até o dia 29 de março.
Veja as novas medidas:

Suspenso no prazo de 10 dias (de 20 a 29 de março) o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes, templos, igrejas, museus, cinemas, academias, clubes, centros de ginástica, lojas ou estabelecimentos que pratiquem comércio, shoppings centers, galerias. Exceção de: supermercados, farmácias e locais que prestam serviço de saúde.

Suspensas feiras e exposições, inclusive, feiras livres.

Vedada qualquer frequência em barraca de praia, lagoa ou piscinas públicas.

Restaurantes, lanchonetes, assim como lojas, podem comercializar por meio de delivery e aplicativo. Mas todo atendimento presencial de clientes está vedado.

Ficam abertos: estabelecimentos médicos, hospitalares, clínicas de fisioterapia, vacinação, laboratórios, distribuidoras de água, gás, energia elétrica, posto de combustível, bancos, padarias, clínicas veterinárias, lavanderias, supermercados, funerárias.

Ficam abertos: hotéis e pousadas abertos, incluindo bares e restaurantes internos somente para os hóspedes.

Serão interrompidos os serviços de transporte entre municípios cearenses a partir de segunda-feira (23), funcionando até o fim da noite de domingo (22).

Param de funcionar, a partir de sábado (21), metrô e VLT em Fortaleza e no interior do estado.

Prorrogado o ponto facultativo de servidores público até dia 27 de março, ressalvando os serviços essenciais, como saúde e segurança.

Criação de barreiras nas fronteiras do Ceará com outros estados a partir desta sexta-feira (20).

Ficam suspensas atividades do setor industrial até dia 29 de março, exceto as indústrias fabricam insumos essenciais, como produtos farmacêuticos, hospitalares, alimentícios.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…