Pular para o conteúdo principal

Compromisso com o Clima abre edital para captação de projetos de neutralização de gases de efeito estufa


Lançado em 2017, o Compromisso com o Clima abre edital para estimular ações de mitigação às mudanças climáticas e possibilitar conexões com novos parceiros. Este ano, serão priorizados projetos de Agricultura, Floresta e Uso do Solo


Está aberto o edital do Programa Compromisso com o Clima para seleção de projetos de neutralização de gases de efeito estufa. Projetos de diversas áreas podem ser inscrever no edital – como iniciativas com foco em energia, manejo de resíduos e substituição de combustíveis fósseis. Nesta edição, no entanto, serão priorizadas ações focadas em agricultura, floresta e uso do solo, incluindo iniciativas de Redução das Emissões do Desmatamento e da Degradação Florestal (REDD+), tanto para a Amazônia quanto para outros biomas brasileiros. As inscrições para o Edital podem ser feitas pelo site https://compromisso.ekos.social/


Atualmente, a Plataforma já está vinculada a quinze projetos localizados nas cinco regiões brasileiras. Por meio deles, já foram gerados mais de 750 mil créditos de carbono (equivalentes a 750 mil toneladas de CO2), gerando impactos sociais e ambientais positivos.


Um dos diferenciais do Programa Compromisso com o Clima é o seu modelo colaborativo de gestão. As organizações apoiadoras participam das tomadas de decisões e das definições sobre como os projetos devem ser avaliados. Todas as organizações têm amplo acesso aos dados dos projetos (como impactos e riscos), além de compartilhar informações e boas práticas por meio da Plataforma Ekos Social.



Lançado em 2017, o Programa Compromisso com o Clima é uma iniciativa lançada por Itaú e Natura, com o apoio do Instituto Ekos Brasil. O intuito foi unir forças para compensar suas emissões inevitáveis de processos produtivos de maneira conjunta ao selecionar projetos que reduzem emissões e geram benefícios sociais e ambientais ao mesmo tempo. Ao longo dos anos, outras empresas se juntaram à plataforma como B3, MRV e Lojas Renner. Em 2021, a Localiza também passa a integrar o Compromisso com o Clima.

Programa Natura Carbono Neutro


Iniciado em 2007, O Programa Natura Carbono Neutro mantém três principais eixos de atuação, com mapeamento das emissões em toda a cadeia de valor, busca constante de redução das emissões e neutralização das emissões que não foram evitadas. A Natura adota um escopo ampliado, que considera não apenas o próprio processo produtivo, mas também a cadeia de valor – desde a extração da matéria-prima e o transporte, até a fabricação de materiais de embalagens por terceiros e a destinação final dos produtos após o uso. Para as emissões que ainda não foram evitadas, a companhia apoia 38 projetos que geram créditos de carbono para, assim, neutralizar os impactos ambientais. Em 2019, o Programa foi reconhecido pelo Global Climate Action Award, premiação mais importante do mundo sobre o tema concedida pela Organização das Nações Unidas.


Sobre a Natura


Fundada em 1969, a Natura é uma multinacional brasileira de higiene e cosmética. Conta com mais de 1.8 milhão de consultoras na América Latina, sendo líder no setor de venda direta no Brasil. Faz parte de Natura &Co, resultado  da combinação entre as marcas Avon, Natura, The Body Shop e Aesop. A Natura foi a primeira companhia de capital aberto a receber a certificação de empresa B no mundo, em dezembro de 2014, o que reforça sua atuação transparente e sustentável nos aspectos social, ambiental e econômico. É também a primeira empresa brasileira a conquistar o selo "The Leaping Bunny", concedido pela organização de proteção animal Cruelty Free International, em 2018, que atesta o compromisso da empresa com a não realização de testes em animais de seus produtos ou ingredientes. Com operações na Argentina, Chile, Colômbia, Estados Unidos, França, México, Peru e Malásia, os produtos da marca Natura podem ser adquiridos com as Consultoras, por meio do e-commerce, app Natura, nas lojas próprias ou nas franquias "Aqui tem Natura". Para mais informações, visite www.natura.com.br ou acesse os perfis da empresa nas redes sociais: LinkedIn, Facebook e Instagram.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar. 

Boletim de saúde sobre Normando Sóracles

 Boletim manhã 05/12 Normando Soracles segue internado na UTI do hospital São Camilo em Fortaleza onde deu entrada na noite do dia 01/12. Encontra-se sedado, se mantendo clinicamente estável após intubação orotraqueal realizada na manhã do dia 03/12. Apresentou melhora significativa do quadro respiratório e dos exames laboratoriais em comparação ao dia anterior. Mantendo-se sem febre e sem leucocitose. Vem respondendo satisfatoriamente a pronação (técnica que consiste em alternar a posição de deitada) mais conhecida como "posição do nadador". Novos exame serão realizados ao fim desta tarde.   Seguimos cada vez mais confiantes na sua plena recuperação. Tendo a convicção plena que Deus é conosco!