Pular para o conteúdo principal

Como a startup b8one ajudou a Flormel a multiplicar em dez vezes suas vendas online

 


O laboratório de soluções digitais para e-commerce implantou em tempo recorde durante a pandemia, em menos de um mês, a 1ª plataforma digital da empresa 

São Paulo, março de 2021. No início do surto de Covid-19, a Flormel – fabricante de alimentos saudáveis investida pelo fundo Unbox Capital, que tem como sociedade controladores do Magazine Luiza –, assim como muitas outras empresas cujo varejo físico era responsável por 100% de suas vendas, precisou pensar em soluções rápidas para minimizar os impactos mais do que certos da pandemia. Há mais de três décadas no mercado, a companhia entendeu que novos canais de negócios, como o e-commerce, representavam não apenas uma saída para o prejuízo, mas também uma oportunidade de crescimento e reinvenção. Hoje, a Flormel colhe os frutos dessa aposta no canal online e encerrou 2020 com um aumento de 10 vezes em seu faturamento no canal desde junho, quando ergueu sua plataforma de comércio online. Junto a esse sucesso, está a startup b8one – laboratório de soluções digitais especializado em e-commerce –, que implementou a loja virtual da empresa em apenas 22 dias.


“Foi tudo muito rápido. Em menos de um mês, o site estava no ar. A média do mercado para uma implantação a partir do zero é de 120 dias”, destaca Renato Avelar, sócio da b8one, responsável pela área de Negócios. Agilidade e adaptação foram as palavras de ordem quando as empresas estabeleceram contato em maio. Em julho, com a plataforma funcionando a todo vapor, o resultado já era notável: um aumento de 2,5 vezes no faturamento. A partir daí, segundo a Flormel, o crescimento assumiu um ritmo agressivo, mês a mês.


“Temos um offline muito vivo, mas o e-commerce começou a se tornar relevante. Acreditamos que isso se deva, especialmente, à qualidade dos produtos que oferecemos ao mercado, que faz com que tenhamos um número elevado de clientes fiéis”, relata Alexandra Casoni, CEO da Flormel. A executiva também comenta que a produção de doces sem adição de açúcares pode ser um dos fatores decisivos de compra, já que cada vez mais pessoas estão preocupadas em manter uma alimentação saudável. “Estamos há mais de 30 anos propondo um estilo de vida mais equilibrado, além de conscientizar as pessoas de que alimentação saudável deve nutrir o corpo, a mente e a alma, através de sabores e novas descobertas”, diz a CEO da Flormel.

“O e-commerce será um dos focos em 2021 e, a longo prazo, seguiremos aprimorando essa frente de negócios com a parceria da b8one”, afirma Jéssica Peres, líder de E-commerce da Flormel, acrescentando que o canal ganhou um departamento exclusivo dentro da companhia. 


Até então, a única experiência da Flormel com vendas online havia sido por meio de distribuidores que utilizavam ferramentas básicas. Para turbinar as operações, a b8one implementou o projeto Grossery to go, um acelerador de e-commerce com custo reduzido e tempo de implantação mínimo de sete dias na plataforma VTEX – unicórnio brasileiro e um dos maiores parceiros da startup. O Grossery to go ajudou outras dezenas de pequenas e médias empresas a ingressarem no mercado digital durante a pandemia.


Lançamentos em meio à pandemia


A Flormel seguiu lançando novos produtos no mercado durante a pandemia, como snacks salgados (linha Parô), snacks infantil (linha OOOBA), bombons veganos, bombons recheados, bombom cookies n´cream e brigadeiros. Esses dois últimos, inclusive, são os que têm registrado maior volume de vendas no e-commerce até hoje. Além dos chocolates já tradicionais, o creme de avelã teve aumento de procura, por serem opções para incremento de receitas caseiras em tempos de isolamento social, um mote bastante explorado pela empresa, de acordo com Jéssica Peres.


A Flormel segue investindo na loja virtual, acrescentando novas funcionalidades, com a participação da b8one. Graças a um estudo de performance e de experiência do usuário, realizado pelo laboratório de soluções, a Flormel conseguiu, por exemplo, aumentar a sua taxa de conversão em mais de 40% durante a última Black Friday. “Em geral, na Black Friday, os acessos aumentam, mas não necessariamente a taxa de conversão. No caso da Flormel, comparando setembro e outubro com novembro e dezembro, o aumento foi de 43%. Fizemos pequenas e rápidas mudanças no site que contribuíram para esse resultado, melhorando a experiência do usuário”, detalha Avelar.


Proximidade com o consumidor e com pequenos lojistas


Para a Flormel, a adoção do e-commerce também foi decisiva na construção de uma ponte com o consumidor final. “Não havia essa proximidade tão grande. Hoje, temos maior entendimento das necessidades e interesses do consumidor que compra online e ele nos guia sobre o que funciona melhor em termos de produtos e de usabilidade da plataforma”, ressalta a líder de E-commerce da Flormel.


 

Sobre a b8one


Entre as empresas de tecnologia que mais crescem no país, a b8one é um laboratório de soluções digitais especializado em e-commerce. Fundada em 2018, já realizou cerca de 500 projetos para mais de 100 clientes no Brasil e no exterior, entre eles grandes marcas do Varejo e da Indústria como Ambev, Brastemp, Cielo, Colgate, Decathlon, Saint-Gobain, Toyota, Vivo e Whirlpool. Reconhecida pelas entregas ágeis e de excelência, e experiência em projetos complexos, a b8one conquistou notoriedade internacional atuando em mais de 10 países (EUA, Canadá, Argentina, Colômbia, Equador, Espanha, Inglaterra, Itália, Romênia, Austrália), além de ser uma das principais parceiras da VTEX – unicórnio brasileiro. Com uma equipe de mais de 60 pessoas, desenvolve soluções de softwares e cuida das operações de comércio eletrônico com uma visão estratégica, aperfeiçoando a experiência digital desde o front-end até a navegabilidade e o layout.

www.b8one.com


Sobre a Flormel


Fundada em 1987, na cidade de Franca (SP), a Flormel traz em seu DNA a proposta de uma alimentação prazerosa e consciente. Comercializada em todo o Brasil, hoje a marca conta com uma vasta linha de produtos, chocolates, doces, snacks, para atender às mais diferentes necessidades alimentares e estilos de vida, sempre aliando sabor e saudabilidade.

www.flormel.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

    Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada. Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar na avenida 13 de maio em Fortaleza; um homem foi atingido a tiros

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar em frente ao MCDonald's da Avenida 13 de Maio em Fortaleza. Um homem foi atingido a tiros dentro do Paladar por homens que desceram de um veículo Corolla para executá-lo. Informação não oficial revela que a vítima é o dono do Restaurante. Depois do crime, os  homens  entraram  no carro e fugiram.  Em seguida, quem estava no MCDonald's correu para perto da vítima . A ambulância do SAMU já chegou e nada da polícia. O barulho dos tiros parecia de fogos de artifício. Muita violência para esse fim de noite de domingo.. Atualização.. O Paladar entrou em contato com a gente pelas redes sociais e informou que a vítima foi um cliente. O dono do Restaurante não foi atingido. 

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar.