Pular para o conteúdo principal

MEC lança plataforma universitária de conteúdo audiovisual

 

O Eduplay permite acesso a transmissões ao vivo, programas de TV, videoaulas, canais exclusivos e podcasts.

O Ministério da Educação (MEC) em parceria com a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) lançou, nesta segunda-feira (07), o Eduplay: uma plataforma universitária de conteúdo audiovisual, que permite o acesso a transmissões ao vivo, programas de televisão, canais exclusivos, videoaulas, rádios e podcasts. O evento de lançamento foi transmitido no canal do MEC no YouTube e contou com a participação do Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro; o secretário-executivo, Victor Godoy; o secretário de educação superior, Wagner Vilas Boas; e o diretor geral da RNP, Nelson Simões.

O ministro Milton Ribeiro deu início ao evento e falou sobre a honra de anunciar um novo serviço para a comunidade acadêmica do país. “O MEC, em parceria com a RNP, anuncia, hoje, o lançamento do Eduplay. Esse novo serviço permite o acesso gratuito e prático a conteúdos exclusivos relacionados ao ensino, pesquisa e extensão direcionados ao ensino superior no Brasil”, disse Ribeiro.

O Eduplay foi criado com o objetivo de se tornar um dos maiores portais de conteúdo audiovisual para a educação e pesquisa no Brasil. O ministro afirmou, ainda, que o Eduplay foi desenvolvido no Brasil e modelado para atender especificamente aos estudantes universitários, professores e pesquisadores que utilizam esse tipo de tecnologia para estudo e trabalho.

Além de atender pesquisadores e professores, destacam-se outros benefícios da plataforma, como a ausência de propagandas comerciais, a segurança do conteúdo postado na rede, e a realização de aulas ao vivo e que podem ser gravadas por meio da integração com o Moodle e com a Conferência Web da RNP. Wagner Vilas Boas afirmou que “o Eduplay é o resultado da sensibilidade da percepção do MEC como mantenedor de 69 universidades federais que têm mais 1,5 milhão de alunos e mais de 95 mil professores”.

O secretário de educação superior afirmou ainda que os conteúdos disponibilizados na plataforma poderão ser acessados por toda a sociedade. “Os conteúdos estarão abertos para todos, não só para os alunos das universidades federais, como também para os alunos das instituições públicas, privadas, e qualquer cidadão poderá acessar os conteúdos de ensino, pesquisa e extensão”, ressaltou Wagner Vilas Boas.

Victor Godoy afirmou que o lançamento do Eduplay vem num momento em que o MEC precisa se reinventar e trazer soluções para a educação brasileira, resultando na elevação da qualidade dos serviços essenciais. "Essa plataforma visa trazer a possibilidade de a rede das universidades e institutos fazerem essa troca de vídeos, e é com muita satisfação que nós fazemos esse lançamento", disse o secretário-executivo. Godoy também afirmou que o MEC e a RNP já estão trabalhando para que sejam possíveis a geração de Libras e de legendas de forma automática.

Nesse sentido, Nelson Simões afirmou que a equipe continuará trabalhando e realizando as melhorias necessárias para garantir uma plataforma segura aos estudantes e professores. “Nós vamos continuar trabalhando, seguir aprimorando as visões de futuro e testando os novos conceitos, para que as nossas plataformas para a educação possam ser seguras, possam permitir uma educação de qualidade, independentemente da localização do aluno, e que isso possa nos favorecer, a longo prazo, a elevar não só o potencial da formação, mas também o desenvolvimento das pessoas e das empresas do país”, disse Simões.

Milton Ribeiro agradeceu a toda a equipe que fez parte do processo de desenvolvimento da plataforma. “Fica aqui o meu cumprimento a todos os atores e protagonistas que estão envolvidos neste serviço prestado por meio do MEC para toda a população universitária e acadêmica do Brasil”, disse o ministro.

A íntegra do evento de lançamento do Eduplay pode ser acessada por meio do link: https://www.youtube.com/watch?v=0UHgVsn1A8w.

Conheça o Eduplay.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar. 

Boletim de saúde sobre Normando Sóracles

 Boletim manhã 05/12 Normando Soracles segue internado na UTI do hospital São Camilo em Fortaleza onde deu entrada na noite do dia 01/12. Encontra-se sedado, se mantendo clinicamente estável após intubação orotraqueal realizada na manhã do dia 03/12. Apresentou melhora significativa do quadro respiratório e dos exames laboratoriais em comparação ao dia anterior. Mantendo-se sem febre e sem leucocitose. Vem respondendo satisfatoriamente a pronação (técnica que consiste em alternar a posição de deitada) mais conhecida como "posição do nadador". Novos exame serão realizados ao fim desta tarde.   Seguimos cada vez mais confiantes na sua plena recuperação. Tendo a convicção plena que Deus é conosco!