Pular para o conteúdo principal

AL debate limites municipais de Russas, Morada Nova e Limoeiro do Norte

 AL debate limites municipais de Russas, Morada Nova e Limoeiro do Norte

Foto: Marcos Moura
Nesta segunda-feira (20/09), o Comitê de Estudos de Limites e Divisas Territoriais da Assembleia Legislativa do Ceará (Celditec) reuniu lideranças políticas municipais de Russas, de Morada Nova e de Limoeiro do Norte para tratar sobre a possibilidade de novas definições territoriais nos limites entre os três municípios.

A reunião foi proposta pela presidente do Celditec, deputada Augusta Brito (PCdoB), que lembrou que, além de questão cartográfica ou de recursos públicos, é preciso levar em consideração também o sentimento de pertencimento da população.

A parlamentar esclareceu que o diálogo é necessário para que seja construído um projeto de lei que vai oficializar o entendimento entre os municípios. Ficou definido que, na próxima sexta-feira (24/09), haverá nova reunião incluindo o município de Quixeré, para que também seja analisado um possível acordo com o município de Russas.

O deputado Acrísio Sena (PT) acredita que seja possível resolver a questão dos limites por meio de um acordo e ressaltou que o sentimento de pertencimento das populações envolvidas também precisa ser considerado.

Para o deputado Leonardo Pinheiro (Progressistas), as indefinições sobre os limites municipais atingem os moradores, podendo até dificultar ações do poder público municipal. Ele lembrou que o comitê tem contribuído muito para promover entendimento entre os municípios e resolver disputas de limites que, às vezes, envolvem até questões históricas.

Segundo o prefeito de Limoeiro do Norte, Dr. Zé Maria (PSB), a questão que envolve o território, no limite com Morada Nova, já está resolvida e o acordo já é certo.

O prefeito de Morada Nova, Wanderley Nogueira (PT), também acredita que não há empecilho para fazer o acordo com Limoeiro do Norte. A questão que ainda precisa ser resolvida, segundo ele, é com relação a uma área que está no limite entre Morada Nova e Russas. Ele esclarece que as escrituras de terras da área em questão já são registradas como parte do município de Morada Nova e até as certidões de nascimento dos moradores também já constam como sendo desse município. “A gente reivindica que essa área fique oficialmente em Morada Nova. Eu acho que não é uma questão de consenso, mas de bom senso”, conclui.

O prefeito de Russas, Sávio Gurgel (PDT), afirmou que as propostas de mudanças em alguns trechos do limite do município levam à diminuição da população e perda de extensão do território de Russas. Ele afirmou que devem ser incluídos nesse debate os município de Jaguaruana e Quixeré, pois há áreas desses dois municípios que recebem assistência da prefeitura de Russas, mas estão oficialmente nos territórios de Jaguaruana e Quixeré.

O analista de Políticas Públicas do Ipece, Cleyber Nascimento de Medeiros, explicou quais mudanças podem ocorrer nos territórios e no número de moradores nos municípios de Russas, de Morada Nova e de Limoeiro do Norte e ressaltou que essas mudanças não deverão afetar o Fundo de Participação dos Municípios dessas cidades.

O procurador-geral da Assembleia Legislativa do Ceará, advogado Rodrigo Martiniano, defendeu que não se trata de alteração, mas colocar no papel a realidade que já existe na prática. “A segurança jurídica dá mais segurança para a administração pública e para a própria população”, ressaltou.

O coordenador do comitê, Luiz Carlos Mourão, explicou que há outros municípios que também estão em situação semelhante de busca por entendimento sobre algumas áreas de seus territórios. Ele ressalta que o Celditec já está em contato com os prefeitos desses outros município, para  buscar um consenso sobre os limites, como é o caso de Ererê e Pereiro, Itapipoca, Tururu e Uruburetama.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

Idomed Canindé realiza capacitação de profissionais da saúde sobre acolhimento e humanização do atendimento no SUS

  Os profissionais da saúde da atenção básica no município de Canindé, além dos profissionais que atuam na Central de Marcação do município e na Central de Abastecimento Farmacêutico, participaram de capacitação sobre acolhimento e humanização do atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), na última semana. O evento aconteceu no auditório do  Instituto de Educação Médica Idomed Canindé em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Canindé e com o Ciclo Permanente de Educação Continuada da Faculdade Estácio de Canindé. Segundo o professor Dr. Orleâncio Gomes Ripardo de Azevedo, coordenador do programa de extensão do Idomed de Canindé, a capacitação é um importante passo para o fortalecimento dos trabalhos da rede pública de saúde. “Esse tipo de ação de aprimoramento que estamos proporcionando aos profissionais da saúde irá beneficiar todos, principalmente a população que utiliza os serviços de saúde pública”, explica. A diretora da unidade de Canindé, Iael Marinheiro, explica que