Pular para o conteúdo principal

UPA Praia do Futuro atende quase 10 vezes mais casos de ferimentos causados por caravelas

 



De julho a agosto deste ano, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h) Praia do Futuro, vinculada à Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) e administrada pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH), registrou um aumento de quase dez vezes nos atendimentos de pacientes feridos por caravelas-portuguesas — animais que apresentam bolsa de cor púrpura ou azulada e que pertencem ao mesmo grupo das águas-vivas.

De acordo com a coordenadora de Enfermagem da unidade, Ismênia Marques, em um período de menor reprodução da espécie, a unidade atende, em média, cinco ocorrências por mês. De julho a agosto deste ano, o equipamento de saúde chegou a registrar 50 casos. “Somente no último domingo de agosto, foram 20 ocorrências”, diz.

No Ceará, a maior frequência de caravelas ocorre no segundo semestre, período de ventos fortes que faz com que elas sejam transportadas até a faixa de areia. Com a aparição cada vez maior dos bichos na praia, também causada pelo aquecimento global e pela pesca predatória, que retira organismos competidores do ecossistema, aumenta-se o número de banhistas atingidos pelos animais.

Além de possuir uma região de praia mais extensa, a Praia do Futuro, em Fortaleza, tem um grande fluxo de pessoas, o que promove um maior risco de acidentes. Até outubro, mês de pico das ventanias, a UPA Praia do Futuro se prepara para receber mais demandas deste tipo.



Queimação e vermelhidão no local


Os principais sintomas, explica a coordenadora médica da unidade, Alessandra Leitão, são dor com sensação de queimação e vermelhidão no local da ferida. “Quando chega à UPA, o paciente passa por uma avaliação. Em seguida, o profissional de saúde faz uma lavagem no local e insere analgésicos. Após isso, o paciente recebe orientações de cuidados para evitar infecção e depois é liberado”, detalha.

Para evitar acidentes, o banhista deve estar atento para não confundir o animal com uma sacola plástica e manter distância do bicho. Crianças merecem atenção redobrada.

A caravela-portuguesa é um organismo que não suporta temperaturas baixas. Por isso, é encontrado principalmente em áreas tropicais e subtropicais, além de oceanos e mares cujas temperaturas são bastante quentes.



Como proceder em caso de acidentes com caravelas


Em casos mais simples, o banhista consegue amenizar a dor do ferimento ao lavar o local com água do mar e vinagre, sem esfregar. Compressas com água do mar e com soro fisiológico gelado, que possuem efeito analgésico e impedem que o veneno do animal siga entrando na pele, também aliviam o desconforto.

O ferimento provocado pela caravela não é queimadura, como muitos pensam, mas um envenenamento da pele causado pelas toxinas liberadas pelos tentáculos do animal, causando dor forte, inchaço e ardência.

Caso a vítima sinta sintomas como vômitos, náuseas, cãibras musculares ou dificuldade para respirar ou engolir, dor no peito ou na cabeça, bem como qualquer reação intensa ou em casos de alergias, é indicado que o banhista procure uma UPA 24h ou outra unidade de saúde mais próxima. Não é recomendado usar sabonete ou álcool na área afetada.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar. 

Boletim de saúde sobre Normando Sóracles

 Boletim manhã 05/12 Normando Soracles segue internado na UTI do hospital São Camilo em Fortaleza onde deu entrada na noite do dia 01/12. Encontra-se sedado, se mantendo clinicamente estável após intubação orotraqueal realizada na manhã do dia 03/12. Apresentou melhora significativa do quadro respiratório e dos exames laboratoriais em comparação ao dia anterior. Mantendo-se sem febre e sem leucocitose. Vem respondendo satisfatoriamente a pronação (técnica que consiste em alternar a posição de deitada) mais conhecida como "posição do nadador". Novos exame serão realizados ao fim desta tarde.   Seguimos cada vez mais confiantes na sua plena recuperação. Tendo a convicção plena que Deus é conosco!