Pular para o conteúdo principal

Contação de histórias encerra projeto "O Guardião da Praça" na Praça Longevidade




O evento reúne crianças para ouvirem história sobre o Ipê Amarelo, símbolo da cidade de Fortaleza

Ocupar a praça com um evento lúdico de contação de histórias para crianças. Essa é a proposta do evento realizado neste sábado, 05 de março, às 9h, na Praça Longevidade (R. Zeza Pontes, 168 - Luciano Cavalcante). A ideia é colocar em prática o que propõe a audiossérie infantil “Guardião da Praça” publicada em dez plataformas de streaming. A iniciativa é fomentada com recursos da Lei 14.017/2020 e suas alterações - Lei Aldir Blanc - por meio da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de Fortaleza.

Gratuitamente, a atividade reunirá em torno de 20 crianças para que as mesmas experimentem a sensação de liberdade e harmonia com o meio ambiente, proporcionados pela vivência na praça. Além da contação, haverá atividade de desenho com gravetos e outros recursos. “Vamos proporcionar às crianças uma experiência nova, trazendo para realidade as fantasias das histórias”, comenta Alê Oliveira.

O projeto “Guardião da Praça” é idealizado pela jornalista e escritora Alê Oliveira, por meio da Cria, produtora de podcasts. A audiossérie está disponível em dez plataformas ( Acesse aqui: https://linktr.ee/cria.historias). É composta por cinco episódios que são uma adaptação do conto de Alê Oliveira, publicado no livro “Salomar”. Voltada para o público infantil, a audiossérie fala sobre um mistério que envolve o guardião da praça e o Ipê-amarelo, também conhecido como Caraúba, que foi instituído pela Prefeitura de Fortaleza, há um ano, como Árvore Símbolo de Fortaleza, de acordo com o Decreto N° 14.944, de 09 de março de 2021, atendendo aos princípios de preservação e conservação ambiental estabelecidos na Política Municipal do Meio Ambiente.

A história é ambientada em 2022. O contexto pandêmico iniciado em 2020 obrigou o fechamento de locais como shoppings e espaços privados e ao mesmo tempo fez com que os passeios com crianças precisassem se voltar novamente para espaços públicos, como praças e parques. Nos episódios, um grupo de crianças, formado no início da pandemia e com situações socioeconômicas diferentes, é envolvido pela atmosfera de mistério. O grande propósito delas passa ser desvendar como o guardião da Praça Parque da Longevidade desaparece todos os dias.  Assim, as crianças são envolvidas em uma relação de proximidade com os personagens e com a natureza.

A curiosidade dos ouvintes é alimentada com a narrativa sonora, diversos efeitos, trilhas e linguagem lúdica, elementos de construção do imaginário nesse tipo de produção. O roteiro é em formato de contação de histórias, reforçando a cultura oral tão relevante para a formação da matriz cultural do povo brasileiro. “A ideia é provocar a identificação do público infantil com a cidade de Fortaleza, promover a ocupação dos espaços públicos, em especial as praças, estimulando uma nova relação com a cidade em que o fortalezense possa se engajar, nutrindo um sentimento de pertença de seu lugar social”, considera Alessandra, autora e idealizadora do projeto.

Sobre a autora – Alê Oliveira é pesquisadora do campo da Cidade, com tese de doutorado sobre a Arte Urbana na formação de si e do espaço. Atuou em vários projetos sociais com o foco na criança e no adolescente e em como a comunicação pode contribuir como fator de transformação social. Recentemente, a autora publicou o livro infantil "Ester conhece Paulo Freire", que faz uma homenagem ao patrono da educação brasileira e trabalha, de forma lúdica, conceitos importantes do autor e o livro coletivo de contos ficcionais intitulado "Salomar", os contos falam de uma Fortaleza pós-período de isolamento social e trazem uma nova proposta para a ocupação citadina. Além disso, Alê também é professora da Universidade de Fortaleza e idealizadora da Cria, produtora de podcasts.

* Plataformas: Spotify, Anchor, Apple Podcasts, Google Podcasts, Overcast, Breaker, Castbox, Pocket Cast, RadioPublic e Sticher. 

Serviço:

Contação de histórias na praça Parque da Longevidade, 05 de março, a partir de 9h. Livre. Gratuito, aberto ao público infantil.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CARIRI GARDEN SHOPPING

  Para evitar aglomeração e atender a todos que buscam garantir as compras do Natal, as lojas âncoras (C&A, Riachuelo, Renner, Marisa e Americanas) do Cariri Garden Shopping funcionarão com horário diferenciado ao longo da semana. De hoje, 20 de dezembro, até o dia 23, o horário de funcionamento seguirá até às 23h.  Já o Mercadinho São Luiz, estará aberto ao publico nos dias 22 e 23, até às 23h.