Pular para o conteúdo principal

Autorização de viagens para crianças e adolescentes pode ser feita pelo TJCE Mobile

  Pensando em facilitar o acesso aos serviços judiciais, o Poder Judiciário estadual oferece a possibilidade de solicitar a autorização de viagens para crianças e adolescentes no aplicativo do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), disponível para aparelhos dos sistemas   Android   e   iOS . Os pedidos também podem ser feitos pelo   Portal do TJCE . Somente na Comarca de Fortaleza, a Coordenadoria de Processos Administrativos e Judiciais de Infância e Juventude forneceu 180 autorizações de viagem de janeiro até esta quinta-feira (18/07). Em trechos nacionais, a documentação é dispensável para aqueles com menos de 16 anos desde que estejam acompanhados por um dos genitores ou por um responsável legal nomeado judicialmente, isto é, tutor, curador ou guardião. Nessas situações, é necessário comprovação por meio de certidão ou termo de compromisso original ou em cópia autenticada. Avós, irmãos, tios paternos ou maternos também podem se responsabilizar pela viagem, desde que sejam maiores de

Professores do CCA integram equipe do projeto Brasil-França de agroalimentação aprovado pela CAPES

 Professores do Centro de Ciências Agrárias (CCA) da Universidade Federal do Ceará compõem a equipe que elaborou o projeto Cooperação França-Brasil para a Valorização de Resíduos Agroindustriais, recém-aprovado em edital da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) no âmbito do Programa Brasil-França Agricultura (BRAFAGRI).

O projeto envolve parcerias entre instituições dos dois países que têm cursos de graduação nas áreas de ciência e tecnologia de alimentos e agronomia. São elas: UFC: com seus cursos de Engenharia de Alimentos e Agronomia; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC): Engenharia de Alimentos; Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN): Engenharia de Alimentos e Engenharia Agronômica; École Nationale Vétérinaire Agroalimentaire et de L’Alimentaire (ONIRIS): Ingénieur Agroalimentaire; L’Institut Agro Dijon: Ingénieur Spécialité Agroalimentaire et Agronomie; e AgroParisTech: Ingénieur Agronome et Agroalimentaire.

Imagem: O projeto aprovado vai colaborar na formação de engenheiros-agrônomos e de alimentos que busquem soluções para os problemas relacionados à sustentabilidade na produção agroalimentar (Foto: Freepik)
O projeto aprovado vai colaborar na formação de engenheiros-agrônomos e de alimentos que busquem soluções para os problemas relacionados à sustentabilidade na produção agroalimentar (Foto: Freepik)

O tema de pesquisa do projeto, que engloba a valorização de matérias-primas regionais, incluindo aproveitamento de resíduos, é uma área de interesse de todas as instituições envolvidas. As atividades de pesquisa em comum das instituições envolvidas na proposta permitirão que os alunos em mobilidade se beneficiem de uma formação ligada aos problemas atuais do setor, em nível de graduação sanduíche, duplo diploma, estágios e coorientação de trabalhos de conclusão de curso.

Com isso, o projeto pretende colaborar na formação de engenheiros-agrônomos e de alimentos que integrem conhecimentos e conceitos de produtos e processos inovadores, na busca de soluções para os problemas relacionados à sustentabilidade na produção agroalimentar, como consumo de água, consumo de energia, aproveitamento de resíduos e subprodutos agroindustriais, e sustentabilidade social.

Além disso, é intenção do projeto que a formação dos futuros profissionais contemple os aspectos relacionados à saúde, visando considerar o impacto dos alimentos em doenças como obesidade, problemas cardiovasculares e diabetes, buscando aliar a segurança de alimentos à produção de alimentos saudáveis.

Como proposto no projeto, cada aluno selecionado deverá realizar de um a três semestres de formação acadêmica em uma das instituições parceiras, seguido por um estágio em empresa ou centro de pesquisa, sob supervisão da instituição envolvida. Tutores formados por docentes das instituições no Brasil e na França orientarão e oferecerão apoio ao longo da experiência dos bolsistas no exterior.

Conforme previsto, a estrutura da parceria possibilita que cada aluno participante possa ter uma programação detalhada e pessoal por meio da seleção de disciplinas profissionalizantes que permitirão a eles ter uma visão integrada e completa do setor agroalimentar.

De volta às suas instituições de origem, os alunos irão ministrar workshops em eventos promovidos pela equipe proponente, visando disseminar o conhecimento adquirido e trocar experiência com a comunidade acadêmica. Essas atividades integradas vão permitir o desenvolvimento de projetos de pesquisa em rede entre as instituições de ensino superior participantes do projeto.

EQUIPE – A equipe do CCA-UFC que elaborou o projeto Cooperação França-Brasil para a Valorização de Resíduos Agroindustriais é formada pelos professores do CCA Luciana de Siqueira Oliveira, docente do Departamento de Engenharia de Alimentos e do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos; Júlio César Barbosa Rocha, coordenador do Curso de Engenharia de Alimentos e docente do Departamento de Engenharia de Alimentos; e Julius Blum, coordenador do Curso de Agronomia e docente do Departamento de Ciências do Solo e do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Solo. A coordenação do projeto é do Prof. Marco Di Luccio, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

SOBRE O BRAFAGRI – O Programa BRAFAGRI é uma iniciativa da CAPES, do Ministério da Educação do Brasil, e da Direction Générale de l'Enseignement et de la Recherche du Ministère de l'Agriculture et de la Pêche, com o apoio do Ministère de l'Enseignement Supérieur et de la Recherche (MESR) da França. Tem como objetivo fomentar o intercâmbio de estudantes de graduação nas áreas de ciências agronômicas, agroalimentares e veterinária.

Mais informações estão disponíveis no site do CCA-UFC.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CONVOCAÇÃO:

  A SOSERVI - Sociedade de Serviços Gerais Ltda, CNPJ 09.863.853/0010-12, Convoca o funcionário JONAS GADELHA FERNANDES , para comparecer à sede da empresa para resolver assunto de seu interesse. Prazo de 72hs. Endereço: Rua: Dr. Jose Lourenço  – 2530 – Joaquim  Távora

Nota de pesar

  A PRT-7 manifesta o mais profundo pesar pela morte dos servidores aposentados José Maciel da Silva e José Siqueira de Amorim. José Maciel da Silva faleceu em 22 de janeiro. Sua última lotação foi no Setor de Arquivo desta Procuradoria Regional do Trabalho. O servidor José Siqueira Amorim faleceu em 28 de fevereiro e encerrou a carreira na Secretaria da Coordenadoria de 2º Grau. Ao tempo em que se solidariza com os familiares e amigos, a PRT-7 reconhece a valorosa contribuição de ambos enquanto atuaram nesta instituição.