Pular para o conteúdo principal

PF indicia ministro das Comunicações, Juscelino Filho Ele é suspeito de uso indevido de recursos públicos

  Polícia Federal indiciou o ministro das Comunicações, Juscelino Filho (União-MA), suspeito de uso indevido de recursos públicos para a pavimentação de estradas que dão acesso a propriedades de sua família na cidade de Vitorino Freire (MA). Em nota, o ministro alegou inocência. Segundo ele, o caso não tem nenhuma relação com sua atuação à frente do Ministério das Comunicações, mas à indicação de emendas parlamentares, quando exercia o cargo de deputado federal. “Trata-se de um inquérito que devassou a minha vida e dos meus familiares, sem encontrar nada. A investigação revira fatos antigos e que sequer são de minha responsabilidade enquanto parlamentar. No exercício do cargo como deputado federal, apenas indiquei emendas parlamentares para custear obras. A licitação, realização e fiscalização dessas obras são de responsabilidade do Poder Executivo e dos demais órgãos competentes”, informou, nesta quarta-feira (12), por meio de nota, Juscelino Filho. O caso já havia chamado atenção, a

HGWA incentiva doação de leite humano para bebês da UTI neonatal

 HGWA incentiva doação de leite humano para bebês da UTI neonatal


Doar é um gesto de amor. E quando esse gesto é simbolizado em gotas de leite humano que podem salvar vidas, o significado é ainda maior. A auxiliar de farmácia Nayara Laurindo, de 29 anos, teve a oportunidade de fazer parte dessa rede de solidariedade. Após o nascimento do primeiro filho, ela se tornou doadora do posto de coleta do Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara (HGWA), unidade da rede da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). A Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN) do HGWA tem capacidade para receber 24 bebês — em sua maioria prematuros que precisam de cuidados intensivos.

A voluntária conta que uma das suas principais motivações foi a certeza de saber que estaria ajudando outras mães, inclusive aquelas que por algum motivo não conseguem amamentar. “Assim que soube que o HGWA estava com a necessidade de doação, não pensei duas vezes, entrei em contato, e, de prontidão, a técnica de enfermagem da sala de ordenha me atendeu de forma super acolhedora, coletou meus dados e logo os rapazes do laboratório estavam em minha residência com o material completo para que eu pudesse fazer a retirada do leite”, pontua Nayara.

Semanalmente ela chega a enviar ao menos um frasco de leite. Para ela, o sentimento é de gratidão. “Quando estamos no puerpério, ficamos bastante emotivas, e ficava pensando na bondade de Deus para comigo de poder ter gestado, parido e ser alimento e abrigo para meu filho, e logo pensei nas mães que não podiam amamentar seus filhos, não podem dar os nutrientes mais necessários que o bebê pode ter nos seus primeiros meses. Não ganha somente quem recebe a doação: quem dá recebe muito mais”, afirma.

Atualmente existem cerca de 7.560ml de leite humano pasteurizado no estoque do HGWA. O uso é de uma média de 600 a 800 ml por dia. O estoque não seria suficiente para atender a todos os bebês da unidade, se necessário. Por isso a importância de estimular a doação.

A nutricionista Fernanda Fernandes, que atua na unidade, explica que o leite materno é um alimento essencial para todos os bebês, especialmente para os bebês prematuros, com baixo peso ou patologias gastrointestinais. “Alguns bebês ficam impossibilitados, mesmo que de forma temporária, de receber leite materno, principalmente devido a problemas com a saúde da mãe, logo após o parto. Para essas crianças, o leite doado é de imensa importância, para sua nutrição e recuperação clínica e nutricional. Esse leite é pasteurizado e distribuído para os bebês que têm indicação de uso”, pontua.

Posto de coleta

Diferente dos bancos de leite, o HGWA funciona como um posto de coleta. É importante saber a diferença entre eles. Tanto os bancos de leite como os postos de coleta, têm como missão a promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno. Os bancos de leite humano são responsáveis pela coleta, seleção, classificação, processamento, controle de qualidade e distribuição do leite doado, além de realizar atendimentos de orientação e apoio à amamentação.

“Os postos de coleta também realizam essas atividades, exceto as etapas que correspondem ao processamento do leite, e essa é a principal diferença entre os dois tipos de serviços. Normalmente, quando o HGWA recebe a doação, ela é enviada para o processamento (pasteurização) e posterior recebimento e distribuição do leite já pasteurizado”, explica Fernandes.

Doação
A doação é de extrema importância para os bebês internados. Mães em fase de amamentação e com excedente de leite interessadas em doar podem entrar em contato com o hospital pelo número (85) 3216-8325. As voluntárias serão orientadas quanto à higiene, à ordenha e ao envio do leite humano para a unidade.

O hospital disponibiliza um colaborador para deixar o material de coleta na casa da doadora, pegando-o posteriormente. O HGWA está situado na Rua Pergentino Maia, 1559 – Messejana, Fortaleza (CE).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CONVOCAÇÃO:

  A SOSERVI - Sociedade de Serviços Gerais Ltda, CNPJ 09.863.853/0010-12, Convoca o funcionário JONAS GADELHA FERNANDES , para comparecer à sede da empresa para resolver assunto de seu interesse. Prazo de 72hs. Endereço: Rua: Dr. Jose Lourenço  – 2530 – Joaquim  Távora

Nota de pesar

  A PRT-7 manifesta o mais profundo pesar pela morte dos servidores aposentados José Maciel da Silva e José Siqueira de Amorim. José Maciel da Silva faleceu em 22 de janeiro. Sua última lotação foi no Setor de Arquivo desta Procuradoria Regional do Trabalho. O servidor José Siqueira Amorim faleceu em 28 de fevereiro e encerrou a carreira na Secretaria da Coordenadoria de 2º Grau. Ao tempo em que se solidariza com os familiares e amigos, a PRT-7 reconhece a valorosa contribuição de ambos enquanto atuaram nesta instituição.