Pular para o conteúdo principal

Cariri - Antigo CSU passará por adequações para sediar a unidade Sesc em Barbalha

Com a parceria firmada entre o Sesc e o Município, o antigo prédio do CSU passará por uma reforma para adequar suas instalações ao pleno funcionamento da unidade, em Barbalha. O anúncio foi feito pelo prefeito Argemiro Sampaio, após encontro com o presidente da entidade, Maurício Filizola, no qual foi selado o acordo de cooperação. Com atividades permanentes, o espaço oferecerá facilidades de acesso e atendimento de qualidade à comunidade, nas áreas de educação, saúde, cultura, lazer e assistência. O prefeito barbalhense empenhou-se, diuturnamente, para que o Sesc chegue à cidade, considerando a sua importância para o desenvolvimento socioeconômico, bem como para o fortalecimento do exercício da cidadania. Dos cinco mil, quinhentos e setenta municípios brasileiros, apenas dois mil e duzentos sediam unidades Sesc. Barbalha estará, em breve, fazendo parte desse grupo de privilegiados.

Com informações da Prefeitura de Barbalha

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…