segunda-feira, 23 de julho de 2018

Sai o resultado do Concurso de Monografias "O Cearense 2018"



A promoção do Instituto Myra Eliane com apoio institucional da Universidade Federal do Ceará selecionou três produções inspiradas na obra clássica do professor e ex-governador Parsifal Barroso. A solenidade de premiação será realizada na Reitoria da UFC

O Instituto Myra Eliane divulgou hoje os três universitários vencedores do Concurso de Monografias “O Cearense 2018 — uma releitura da obra clássica de Parsifal Barroso”. Os premiados são alunos da Universidade Federal do Ceará, Universidade Estadual do Ceará e  Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. Eles concorreram com candidatos de universidades de todo o Brasil. A premiação supera os R$ 30 mil e inclui também a publicação de um livro com a coletânea das monografias prefaciado por Igor Queiroz Barroso, presidente do Instituto Myra Eliane.

Lançado em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC), o Concurso de Monografias “O Cearense 2018” teve como objetivo potencializar uma visão dialética da obra de Parsifal Barroso, lançada em 1969 e reeditada em 2017. “Queríamos também fomentar a produção intelectual, além de valorizar a identidade e o conceito de Cearensidade, desenvolvido originalmente pelo meu avô José Parsifal Barroso”, afirma o idealizador do Concurso Igor Queiroz Barroso.

O livro ‘O Cearense’, um ensaio original sobre o hibridismo da formação do “povo cearense” dialoga com textos anteriores dos sociólogos Gylberto Freire e Djacir Menezes, entre outros. Freyre foi o grande inspirador de Parsifal no processo de pesquisa e de escritura daquela obra. E Djacir Menezes, o prefaciador da primeira edição, atesta a densidade intelectual de Parsifal Barroso na construção do original ensaio que obteve ampla repercussão nacional.

Premiados

O Concurso de Monografias “O Cearense 2018"  recebeu produções de estudantes das áreas de História, Ciências Sociais, Antropologia e Letras provenientes de 23 diferentes Universidades brasileiras.

O primeiro lugar foi concedido à acadêmica de Letras Espanhol da Universidade Federal do Ceará, Nathália Cardoso Maciel, com a o ensaio “Transregionalidade: uma potência do povo cearense”. O segundo lugar coube ao estudante de História da Universidade Estadual do Ceará, Helias Joaquim da Silva, com a monografia “Cearensidade: um conceito híbrido”. Em terceiro lugar ficou o estudante do Doutorado em Letras da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, Ciro Leandro Costa da Fonsêca, com o ensaio “A construção da identidade na obra O Cearense de Parsifal Barroso”.

A comissão julgadora foi composta pelos professores universitários Francisco Silva Cavalcante Junior (UFC),  Alexandre Fleming Câmara Vale (UFC), José Batista de Lima (UECE-Unifor) e Luís-Sérgio Santos (UFC) coordenada pelo Vice-Reitor da UFC, professor Custódio Almeida, com a participação do presidente do Instituto Myra Eliane, Igor Queiroz Barroso.  A solenidade de premiação será realizada em setembro na Reitoria da UFC, no campus do Benfica, em Fortaleza.
   
Sobre o Instituto Myra Eliane

O Instituto Myra Eliane, fundado em 2016 com base em Fortaleza (CE), atua no fomento à educação na capacitação de professores da rede pública de ensino infantil. Na frente editorial, já são três obras lançadas: a reedição do livro O Cearense (Parsifal Barroso), Olga Barroso - Na vanguarda da vida (Juarez Leitão), e Parsifal - Um intelectual na política (Luís-Sérgio Santos).    


VENCEDORES do Concurso de Monografias “O Cearense 2018 — uma releitura da obra clássica de Parsifal Barroso”

1º Lugar
Nathália Cardoso Maciel: "Transregionalidade: uma potência do povo cearense"
Letras Espanhol - Universidade Federal do Ceará (UFC)

2º Lugar
Helias Joaquim da Silva: "Cearensidade: um conceito híbrido"
História - Universidade Estadual do Ceará (UECE)

3º Lugar  

Ciro Leandro Costa da Fonsêca: "A construção da identidade na obra O Cearense de Parsifal Barroso" (UERN)

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.