Pular para o conteúdo principal

Agenda cultural no Nordeste - Yes, Nordeste manda bem no rockabilly



Banda potiguar Dasta & The Smokin' Snakes recebe as pernambucanas Joanatan Richard & His Beatful Boys e Allycats no Nordeste Rockabilly Combo, festival que conta ainda com participação do grupo Jubarte Ataca


A cidade de Natal se torna a capital do rockabilly no dia 7 de setembro. A partir das 15h, o Wesley's Bar Capim Macio promove o festival Nordeste Rockabilly Combo, dedicado a esse que é um dos subgêneros pioneiros do rock and roll, surgido nos Estados Unidos no começo da década de 1950.

O Nordeste Rockabilly Combo é a reunião das três principais bandas de rockabilly do Nordeste na atualidade: a anfitriã Dasta & The Smokin' Snakes (Wild Records), de Natal, que faz o pré-lançamento do álbum Get Wild or Get Gone; Joanatan Richard & His Beatful Boys (Ipojuke Records), de Caruaru (PE), que lança seu mais recente EP, Roses and Thorns; e Allycats, do Recife, que que lança seu álbum de estreia, On the Road.

Junto com a banda convidada Jubarte Ataca (Surf Music Nervoso), também de Natal, as atrações prometem seis horas do mais primitivo, visceral e pulsante ritmo que já existiu no planeta. Tudo feito na tropical e escaldante paisagem nordestina.

No Nordeste Rockabilly Combo, sertão e mar se encontram em uma celebração da resistência da música autoral e autêntica, resgatando e renovando o rock'n'roll para a atualidade.


Serviço:

Nordeste Rockabilly Combo - sábado, 7 de setembro, das 15h às 2h, no Wesley's Bar Capim Macio (Rua Alexandre Câmara, 1.773, Capim Macio, Natal, Rio Grande do Norte). Ingressos antecipados no Sympla:https://www.sympla.com.br/nordeste-rockabilly-combo__618551

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…