Pular para o conteúdo principal

Foto Kariri: 2ª edição do Saídas Fotográficas busca os encantos do bairro João Cabral



Atividade livre e aberta, o grupo percorrerá o bairro João Cabral guiados pelo Mestre Nena, do Bacamarteiros da Paz.

O Foto Kariri - Festival de Fotografia e Artes Visuais abre o mês de dezembro com mais uma edição do SAÍDAS FOTOGRÁFICAS, desta vez buscando os encantos do bairro João Cabral, em Juazeiro do Norte.

A atividade acontecerá dia 1º de dezembro, com concentração às 8h, em frente ao Museu Orgânico Casa do Mestre Nena, e contará com a participação de coletivos fotográficos, artistas diversos e mestres da cultura. 

Literalmente em "saída", o grupo percorrerá o bairro João Cabral, marcado pelas cores da cultura e o estigma da periferia, guiados pelo Mestre Nena, do grupo Bacamarteiros da Paz, em trajeto que busca reconhecer histórias, personagens e olhares possíveis sobre os encantos do lugar. 

Segundo Nívia Uchôa, organizadora do Foto Kariri, retomar o projeto do SAÍDAS FOTOGRÁFICAS como preparação para o Festival também  tem como objetivo retomar encontros de coletivos e fotógrafos locais, regionais e nacionais.

Iniciado em novembro, o SAÍDAS recebeu representantes de oito coletivos estiveram reunidos na Romaria de Finados, em primeira atividade. A programação se estenderá até fevereiro de 2020, com a exibição um grande varal fotográfico itinerante com exibição dos resultados. 

Vale destacar que o SAÍDAS FOTOGRÁFICAS é aberto para participação do público em geral.   
SERVIÇO⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 
Domingo, 1º de dezembro de 2019, às 8h
No Museu Orgânico Casa do Mestre Nena
Rua Senhor do Bonfim,  524, bairro João Cabral
(Em frente a Praça do CC)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…