Funceme discute ampliação de parcerias com a UFC

O reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Prof. Cândido Albuquerque, e professores da instituição, receberam, na tarde desta quarta-feira (22), o presidente da Fundação Cearense de Meteorologia  e Recursos Hídricos (Funceme), Eduardo Sávio Martins. Na reunião, eles conversaram sobre o fortalecimento de parcerias entre ambas as instituições nos campos de agricultura, recursos hídricos e internacionalização. O encontro ocorreu no gabinete da Reitoria da UFC.
O presidente da Funceme anunciou que há um acordo de cooperação ativo do órgão com a Agência Nacional de Águas (ANA) no valor de R$ 8 milhões para financiar melhorias na infraestrutura de pesquisa e também para bolsas de iniciação científica e de pós-graduação. Simultaneamente, a Fundação segue captando recursos para projetos afins com entidades de cooperação internacional, como o Banco Mundial e os institutos de pesquisa franceses do Centro de Pesquisa Agrícola Francês para o Desenvolvimento Internacional (Cirad) e Instituto de Pesquisa para o Desenvolvimento (IRD). Segundo Martins, a região Nordeste possui apenas dois laboratórios de referência nacional no segmento de análises de solo, um na Embrapa Solos, em Recife (PE), e outro situado na UFC.
“Atualmente, temos um acordo com a ANA para o monitoramento das secas no Nordeste que será expandido para outros Estados do Brasil, como Tocantins, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A proposta é chegarmos a um único instrumento nacional de monitoramento nas áreas meteorológica, hidrológica e agrícola, que seja colaborativo com instituições públicas estaduais e federais”, explicou o presidente da Funceme.
O reitor Cândido Albuquerque manifestou total interesse em ampliar a parceria histórica entre a UFC e a FUNCEME, colocando à disposição a equipe de docentes e as pró-reitorias correspondentes de pesquisa e de internacionalização. Ele citou ainda ações exitosas que vêm sendo realizadas pela UFC e o Governo do Estado, como o Distrito de Inovação em Saúde e a Plataforma Ceará 2050.
“É fundamental para a Universidade ter protagonismo nessas áreas de pesquisa, porque há muita demanda. Essa parceria entre a UFC e a FUNCEME é essencial para qualificar pessoal, incentivar a criação de novas tecnologias e estabelecer estudos e previsões em um Estado com muita pobreza, como é o nosso Ceará”, comentou Cândido Albuquerque.
Participaram da reunião o pró-reitor-adjunto de Pesquisa e Pós-Graduação da UFC, Prof. Rodrigo Porto, e o coordenador do Laboratório de Análise de Solos, Plantas e Fertilizantes, do Centro de Ciências Agrárias (CCA), Prof. Helon Sousa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça