Pular para o conteúdo principal

Jovem Aprendiz recebe 273 candidatos no 1º dia de inscrições em Caucaia




O programa Jovem Aprendiz recebeu 273 candidatos no primeiro dia de inscrições, que aconteceu na manhã desta segunda-feira (13/1). Ao todo, 90 vagas estão disponíveis. Todas estão previstas em edital (n.° 001/2020/SETEM) publicado no Diário Oficial do Município desta sexta-feira (10/1).
As inscrições seguem até 17 de janeiro. É preciso que o candidato leve documentação original e cópias de identificação com foto, CPF, Carteira de Trabalho e Previdência Social, Título de Eleitor (não exigido aos menores de 18 anos) e comprovante de endereço de Caucaia com data de emissão inferior a 90 dias, além de ficha de cadastro preenchida que pode ser baixada neste link. (file:///C:/Users/joaob/Downloads/2001131112ficha_aprendiz2020.pdf)
Para se inscrever, o interessado deve dirigir-se à sede da Setem entre 8 horas e 13 horas. No último dia, 17/1, serão aceitas inscrições até às 14 horas. O Jovem Aprendiz é uma forma de contratação de profissionais criada em 2000 com o objetivo de estimular o primeiro emprego e a formação profissional. O jovem que estuda e trabalha recebe também capacitação específica na área em que esteja empregado.
Conforme o gestor do Sine Municipal, que integra a Secretaria Municipal do Trabalho, Emprego e Empreendedorismo (Setem), Alexandre Fonseca, somente podem participar jovens com idade entre de 16 e 22 anos que concluíram o Ensino Médio em escola pública. “As vagas disponíveis são distribuídas nas áreas de assistente administrativo, assistente de comércio e alimentador de linha de produção.”
SERVIÇO
INSCRIÇÕES JOVEM APRENDIZ
QUANDO: de 13 a 17 de janeiro de 2020.
ONDE: rua Coronel João Licínio, 517, no Centro

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…