Pular para o conteúdo principal

Vaticano anuncia data da Beatificação de Benigna Cardoso, de Santana do Cariri

Benigna Cardoso, de Santana do Cariri, será beatificada no dia 21 de outubro deste ano. O rito da celebração, com a presença do Cardeal Angelo Bucciu, Prefeito da Congregação para a Causa dos Santos, representante do Papa Francisco, vai ocorrer na Sé Catedral de Nossa Senhora da Penha, em Crato. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado do Vaticano.

A data da beatificação foi divulgada na manhã desta terça-feira, dia 21 de janeiro, em pronunciamento feito na Rádio Educadora do Cariri, porta-voz da Diocese de Crato, pelo bispo Dom Gilberto Pastana. E o anúncio está permeado de simbologias: também nesta terça, a Igreja faz memória à Santa Inês, virgem e mártir. Aos 13 anos, tendo renunciado a “corte” de um rapaz, foi denunciada por ele ao Império Romano. O regime perseguia violentamente os que se declaravam cristãos.
Benigna, considerada “heroína da castidade”, será a primeira beata nascida no Ceará a receber o título. A promulgação do decreto, no qual o Papa Francisco autoriza a beatificação dela, aconteceu em 2 de outubro de 2019.
“É um motivo de grande alegria para todos nós. E, em contato com Roma, resta-nos preparar a celebração”, disse Dom Gilberto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…