#audioinclui

quarta-feira, 18 de março de 2020

Dia a dia - Governador anuncia novas medidas para conter o Coronavírus no Ceará

Ampliação de 600 novas UTIs, aquisição de 10 mil kits de testes rápidos, 100 mil máscaras e 400 mil litros de álcool em gel para o atendimento da população nas unidades públicas de saúde estão entre as medidas. TeleSaúde já começa a operar
O Governo do Ceará anunciou nesta quarta-feira (18) mais uma série de ações locais para o enfrentamento da pandemia que o Mundo sofre com o Coronavírus. Pelas redes sociais, o governador Camilo Santana informou que o Estado vai colocar à disposição da população mais 600 unidades de terapia intensiva (UTIs), o que irá praticamente duplicar a capacidade da rede pública.
“O serviço público estadual hoje disponibiliza de 740 UTIs montadas. Com essas novas 600, algumas sendo compradas e outras alugadas, nós vamos quase que dobrar nossa capacidade de atendimento, que é a retaguarda para receber aqueles casos mais graves”, comunicou o gestor, lembrando que as UTIs são completamente equipadas. Além dos novos leitos de unidades de terapia intensiva, Camilo disse que o Governo do Ceará está comprando mais kits de teste rápido em relação ao Coronavírus. “Estamos adquirindo 10 mil kits. Já tinha autorizado cinco mil e agora mais cinco mil”, confirmou.
Importantes na hora da prevenção à contaminação, as máscaras de proteção e o álcool em gel para limpar as mãos são utensílios fundamentais nas unidades de saúde para proteger tanto profissionais como usuários do sistema público de saúde. Nesse sentido, o Estado providenciou, através de uma requisição feita em parceria com o Ministério Público e o setor produtivo, a compra de “100 mil máscaras e 400 mil litros de álcool em gel para os equipamentos de saúde”, disse o governador.

TeleSaúde

No início das ações de enfrentamento ao Coronavírus, o Governo do Ceará tinha disponibilizado três linhas telefônicas para que a população pudesse tirar dúvidas sobre a possibilidade de estar infectada com o Covid-19, visto que os sintomas são bastante parecidos com o de outras gripes e viroses. Mas devido à grande procura, o número não estava sendo suficiente. Agora, as pessoas têm ao seu dispor uma central o dia inteiro com o atendimento de profissionais da saúde, como informou o governador.
“Já está funcionando desde hoje pela manhã o teleatendimento em saúde. Estamos com 150 linhas para atender a população 24h com profissionais de saúde. Precisamos evitar uma ida muito grande de pessoas às unidades de saúde pública. As pessoas que estiverem com algum sintoma devem ligar para o 0800-275-1475 e terão todas as orientações dadas por um profissional de saúde. Aquelas que estiverem com problema respiratório é que devem procurar imediatamente as unidades”, explicou Camilo.

Esforço coletivo

Mesmo com todas as iniciativas tomadas pelo poder público para conter a propagação do vírus é preciso o engajamento de todos os setores da sociedade. O governador finalizou fazendo um apelo para que todos deem a sua contribuição nesse momento de pandemia. “Esse é um problema mundial que precisamos enfrentar conjuntamente de forma coordenada. No Mundo inteiro as medidas mais acertadas e que diminuíram o fluxo do vírus na população foi o isolamento da população. Amanhã (19) é feriado no Ceará e já colocamos como ponto facultativo a sexta-feira (20). A minha recomendação e o meu apelo é que todos permaneçam em casa nos próximos quatro dias, que os comércios não funcionem e que só saiam em extrema necessidade. É importante neste momento somarmos esforços para combater esse vírus, com solidariedade, de forma coordenada e conjunta. Esses quatro dias não são dias de férias. São para as pessoas ficarem em casa, isoladas. Somente dessa forma a gente consegue diminuir esse fluxo do vírus e a contaminação”, pediu Camilo.
Ele também lembrou a necessidade dos municípios, através de suas administrações, ficarem preparados para o momento. “Acionem os seus planos de contingenciamento, preparem suas equipes. A Secretaria de Saúde está adquirindo insumos e principalmente equipamentos de proteção para os profissionais de saúde e que estarão sendo distribuídos. É fundamental que todos os municípios se preparem”, enfatizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião sobre essa notícia.