Pular para o conteúdo principal

Para ajudar a passar a quarentena dos amantes do vinil, projeto 2 na Radiola faz show ao vivo



Em tempos de isolamento social, mas não de afetos e de boas energias, as ações que ajudem a levar tranquilidade e alegria às pessoas deve ser difundida.
Pensando no atual momento de isolamento social, Magnum Cesar, à frente do projeto 2 na Radiola,  fará uma transmissão ao vivo, a partir das 20 horas, pelo Instagram @2naradiola.
Quem tiver aquela música preferida tocada com o som inconfundível do vinil deixa uma mensagem no feed do Instagram para ser uma das selecionadas a tocar.
Com um acervo de mais de seis mil LPs que vão do Rock ao Pop, passando pela MPB sem esquecer do bom e velho brega, o projeto 2 na Radiola já se apresentou em bares, restaurantes, eventos particulares e praças e parques na Capital e Interior.
Com a determinação do isolamento social as apresentações presenciais ficam suspensas, mas o carinho por compartilhar boa música, não.
Então, hoje, 20 de março, a partir das 20 horas, acompanhe a live no Instagram do projeto e deixe a música com o chiadinho gostoso do vinil invadir sua residência.
Não se esqueça de lavar as mãos com frequência, tomar muita água e evitar aglomerações.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…