Pular para o conteúdo principal

Campanha solidária envolve pacientes de cirurgia bariátrica em ato de amor



A Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica lançou uma campanha de cunho nacional, com arrecadação de alimentos. A campanha intitulada “Mais saúde, mais solidariedade” é voltada para pessoas que já se submeteram por uma cirurgia bariátrica. A ideia é que essas pessoas transformem os quilos eliminados, em quilos de alimentos não perecíveis para doação. As arrecadações serão voltadas para instituições beneficentes em todos os estados do Brasil, que ajudam pessoas necessitadas neste momento de pandemia.

Os pacientes podem procurar suas clínicas, que todos os cirurgiões já estão engajados na campanha. Cada estado tem um representante responsável por arrecadar as doações vindas de pacientes de qualquer clínica. No Ceará, o médico cirurgião Felipe Vento, atual Presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, é o representante do Estado e está com sua clínica aberta para receber doações.

O telefone da clínica também está disponível pra quem não puder ir até o endereço indicado, mas que deseja ajudar. Essas pessoas poderão fazer um cadastro para que os alimentos sejam pegues também em domicílio.

Casa da Caridade e Casa do Caminho são as instituições beneficiadas no Ceará. A campanha segue até o dia 05 de junho e, até lá, toda ajuda será bem-vinda. “Vamos transformar a saúde que a gente conquistou com a cirurgia bariátrica, em saúde e bem-estar para os que necessitam neste momento”, convida Felipe Vento.


Serviço:
Clínica Obesitrate
Rua Monsenhor Bruno, 2510
Joaquim Távora - Fortaleza - Ce
Telefones:
(85) 9 8811 6600 (falar com Jane)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…