Pular para o conteúdo principal

Colabora Inova - Startup que conecta bares, pizzarias e restaurantes a grandes distribuidores adota medidas para ajudar parceiros durante pandemia do coronavírus


 
Menu criou uma página educacional com dicas práticas para auxiliar pequenos e médios comerciantes durante a crise 

Com a pandemia do coronavírus, o governo de São Paulo determinou que estabelecimentos de food service, como bares, pizzarias e restaurantes, não abrissem as portas e, caso fossem continuar suas operações, deveriam adotar o sistema de delivery e entregas por aplicativos.  Para ajudar os comerciantes neste momento inédito, a Menu - startup que simplifica o comércio de bebidas e alimentos B2B no Brasil, criou um site (http://coronavirus.menu.com.br/) com dicas práticas para ajudar pequenos e médios comerciantes a superarem a crise.

Sem previsão para a abertura dos estabelecimentos, a startup tem ajudado parceiros durante o período. Segundo Leonardo Almeida, diretor executivo e CEO da Menu é importante unir esforços para colaborar com o setor food service. “Grandes empresas dependem desses comerciantes e agora, mais do que nunca, precisamos encontrar soluções e oferecer a esses pequenos empresários para limitarmos os efeitos da pandemia”, afirma. 

Além da criação da página, a startup está propondo a flexibilização no prazo padrão para pagamentos após finalizarem as compras na plataforma. A empresa separou algumas orientações para inspirar comerciantes a enxugarem as contas e iniciar um planejamento para os próximos meses. 

Coloque no papel as suas despesas
Faça um levantamento de todos os gastos financeiros e receitas dos próximos meses. Assim, será possível saber quanto será preciso gastar com cada despesa e quanto dinheiro será necessário para manter o negócio nesse período. Priorize os gastos fixos e enxugue os variáveis.

Renegocie suas dívidas 
Em tempos de baixa arrecadação, a primeira medida é reduzir os custos. Tente renegociar algumas despesas e contratos, diminuir a conta de energia, entre outras medidas para controlar o caixa; verifique também se é possível prolongar os prazos de pagamento com fornecedores, diminuir o prazo de recebimento e negociar as taxas cobradas por empresas de cartões de crédito, vouchers, tíquetes.

Controle o fluxo de caixa
Comece a lançar os valores de contas a receber de acordo com o novo cenário, faça uma previsão mais conservadora. Se o saldo for negativo em algum dos períodos futuros, avalie possibilidade de renegociação de prazos ou formas de aporte de capital de giro. Vale lembrar que o governo federal lançou algumas medidas emergenciais para financiar folhas de pagamento de pequenas e médias empresas.
Adote o delivery para continuar operando
Desde que respeitados os critérios de higiene e de controle da COVID-19, bares, pizzarias e restaurantes podem continuar operando a venda de produtos, por meio de delivery ou aplicativos que disponibilizam serviços de entrega. Ao contratar um app, fique atento às taxas e tempo de entrega, é importante avaliar o valor do investimento. 

Use as redes sociais para divulgar as vendas
Invista em perfis no instagram e facebook; restaurantes que promovem suas redes sociais tem melhores retornos com a sua divulgação. Mas crie contas somente nas redes que poderá atualizar. Aposte também no impulsionamento (patrocínio) disponíveis nas redes sociais para alcançar sua clientela. 

Sobre a Menu - Desde 2016 no mercado, a Menu (https://menu.com.br/) - startup de tecnologia voltada para comercialização de bens de consumo, vem crescendo 50% ao mês. Por meio do marketplace, oferece mais de 20 mil produtos com entregas em SP e RJ - os comerciantes têm acesso aos melhores fornecedores do país, preços mais baratos e entrega garantida em até 48 horas. A plataforma já possui mais 15 mil usuários. Outros serviços que a startup oferece para os anunciantes são: agência digital, soluções de pagamento e frete.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada.Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas