Pular para o conteúdo principal

PCCE prende homem suspeito de ser explosivista em ataques a bancos no Ceará e Maranhão

Investigações realizadas pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), resultaram na captura de um homem suspeito de envolvimento em roubos a instituições financeiras. A prisão ocorreu, na última quarta-feira (15), em Maracanaú – Área Integrada de Segurança 12 (AIS 12).

O preso se trata de Germeson Maycon Moreira da Silva (27) que já responde por tentativa de homicídio doloso, por tráfico ilícito de drogas, por porte ou posse de arma de fogo de uso restrito, por roubo e por contravenção penal. O preso possui ainda outras três Passagens pela Polícia, em três Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) – um por crime contra a administração pública e dois por crime de trânsito. O homem foi preso em uma residência localizada no bairro Alto Alegre, na cidade de Maracanaú.

No momento da prisão, Germeson confessou que é foragido da Justiça de Icó-CE. Em posse dele foram apreendidos R$ 17.060 em cédulas manchadas de tinta vermelha, seis cartuchos de emulsão explosiva em formato de banana de dinamite – cada um pesando mais de 1kg –, além de dois aparelhos celulares.

Em relação ao dinheiro apreendido, o Delegado Titular da DRF, Rommel Kerth, explica o porquê das notas estarem manchadas. “Essas notas estavam todas manchadas por força de um equipamento que existe nas máquinas de caixa eletrônico, que tem o objetivo de inibir a subtração através do uso de explosivos. Ela provoca essas manchas nas notas para que as notas sejam inutilizadas”, pontua o delegado.

Em relação às investigações, que eram realizadas pela DRF desde 2019, o delegado Rommel Kerth fez algumas considerações. “Ocorre que o Germeson já estava sendo investigado pela Delegacia de Roubos e Furtos desde o ano passado, com paradeiro desconhecido. Tínhamos apenas uma fotografia da pessoa do Germeson. Essas informações, elas estavam sendo repassadas em conjunto com a Polícia Civil do Estado do Maranhão, em decorrência da possível participação do Germeson no assalto ocorrido no banco de Tutóia, no Maranhão, em outubro do ano passado. Onde três bancos foram simultaneamente explodidos nessa cidade. Então, o Germeson naquela época já figurava como suspeito. O Maranhão tinha apenas uma imagem da pessoa dele, não tinha sequer a qualificação. Nós descobrimos que tratava-se de um cearense. Então buscamos identificá-lo e localizá-lo, o que ocorreu no dia 15”, finaliza o delegado.

Investigações apontam que o preso também teve participação em dois outros eventos criminosos ocorridos no Ceará. Um ocorrido no final do ano passado e outro já este ano. Além de dar suporte aos atos criminosos, o preso detém conhecimentos relacionados ao uso dos explosivos, o que seria a mão de obra mais “especializada” do grupo crimimoso.

Diante dos fatos, Germeson foi encaminhado à unidade policial a fim de que fossem realizados os procedimentos cabíveis. Lá, ele foi autuado em flagrante por posse ou porte de arma de fogo de uso restrito. As investigações sobre os fatos seguem.

Denúncias
A população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam auxiliar os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS); ou ainda para o número (85) 3101-1140, da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF). O sigilo e o anonimato são garantidos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada.Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas