Pular para o conteúdo principal

Projeto Belchior em Casa apresenta show #NoCentroDaSala com Rodrigo Alarcon

A programação musical do Projeto Belchior em Casa da semana vai ser #NoCentroDaSala com o cantor e compositor paulista Rodrigo Alarcon (@rodrigoalarconoficial). Nesta quinta-feira (30/04), a partir das 18h, o artista realiza pocket show descontraído e intimista, com canções autorais e outros sucessos, diretamente do instagram do Centro Cultural Belchior.

Toda a programação do projeto No Centro da Sala foi selecionada por meio dos editais abertos da Casa de Praia da Música, disponíveis no Mapa Cultural de Fortaleza, que seguem recebendo inscrições. O #NoCentroDaSala compõe a programação do projeto Belchior em Casa, que foi criado com o intuito de levar a programação do Centro Cultural Belchior, por meio das plataformas virtuais, para os lares das pessoas, neste momento em que o distanciamento social se faz necessário. Toda a programação, musical e de formação, é gratuita.

Edital Massafeira: últimos dias de credenciamento

Até o quinta-feira (30/04), coletivos de música que tenham interesse em compor a programação do Centro Cultural Belchior podem se inscrever no Edital Massafeira - Programa de Apoio a Coletivos de Música. A inscrição deve ser realizada pelo Mapa Cultural de Fortaleza (https://mapacultural.fortaleza.ce.gov.br/oportunidade/1537/ ), seguindo as orientações lá contidas e apresentando todos os itens descritos. O Edital Massafeira irá selecionar 12 coletivos de DJs e oito coletivos de artistas e/ou bandas. Todas as dúvidas em relação ao edital podem ser esclarecidas pela equipe do Centro Cultural Belchior, pelo e-mail contato@centroculturalbelchior.com.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça

A 8ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza deferiu a favor da PH Empreendimentos, empresa do Sr. Paulo Henrique Martins, o pedido que proíbe a transferência e a alienação dos terrenos que formam o imóvel localizado na Avenida Dom Luís (entre as ruas Coronel Jucá e Professor Dias da Rocha) onde antes funcionava o Shopping Dom Luís. 
​Através de contrato com a Construtora Manhattan, o imóvel foi transferido e o pagamento, que deveria começar em 2014, não ocorreu. A Construtora também descumpriu diversas obrigações neste período. Embora a situação tenha rendido dissabores ao Sr. Paulo desde então, tentou-se buscar o bom senso da Construtora ao longo destes anos, sem sucesso. Em janeiro deste ano, foi iniciado o processo judicial cujo número é 0102164-08.2017.8.06.0001. 
Com a decisão da juíza Dra. Ana Kayrena da Silva Freitas, por meio do ofício 147/2017, o imóvel fica intransferível e inalienável como garantia de Justiça até que o processo seja julgado, haja vista que a Construtora, coligada…