Pular para o conteúdo principal

Polícia Civil prende foragido da Justiça que comandava organização criminosa em Pacajus

 Mais um chefe criminoso procurado pelas Forças de Segurança teve a sua prisão divulgada na manhã desta terça-feira (8). Gutemberg de Sousa Nogueira, 31 anos, foi preso na cidade de Ubajara, no interior do Ceará. De acordo com as investigações conduzidas pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), ele comandava as atuações de uma organização criminosa na cidade de Pacajus e nas regiões adjacentes, na Área Integrada de Segurança 13 (AIS 13) do Ceará.

“Gugu”, como é conhecido, possuía um mandado de prisão preventiva por homicídio em aberto e responde também por tráfico de drogas e receptação. Ele era procurado desde o ano de 2016, tido como o “01” do coletivo criminal. A sua captura na última quinta-feira (2) foi possível após um trabalho de inteligência em conjunto entre a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) e a Delegacia Metropolitana de Pacajus.

Em Ubajara (AIS 14), “Gugu” se aproveitava de um nome falso para evitar ser flagrado pelos investigadores. No entanto, por intermédio do trabalho de campo, a Polícia Civil identificou que ele residia no bairro Monte Castelo, no município interiorano. Após um cerco ao imóvel, as equipes emitiram voz de parada ao homem que correu para o interior da casa. Durante a tentativa de fuga, ele chegou a arremessar um revólver calibre 38 em um terreno próximo. Depois de ser capturado, o homem se apresentou com outro nome, inclusive exibindo uma identidade falsa aos policiais civis.

Além da arma e da cédula de identificação falsa, os inspetores apreenderam ainda dois celulares que foram quebrados por “Gugu”. Após o recolhimento de indícios no local, os policiais civis conduziram Gutemberg até Fortaleza, onde além de ser dado o cumprimento ao mandado de prisão, ele também foi autuado em flagrante. “Gugu” agora responderá por posse irregular de arma de fogo e uso de documento falso. Com a sua prisão, a Polícia Civil aprofundará as investigações no intuito de identificar o seu envolvimento em outros homicídios.

Denúncias

Para combater a atuação de grupos criminosos no Estado, a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) conta com a participação da população para repassar informações que auxiliem os trabalhos investigativos. Por isso, a unidade especializada da Polícia Civil do Ceará mantém um número de WhatsApp para receber denúncias de ações criminosas em todo o Estado. A população pode enviar mensagens de texto, áudios, fotos e vídeos para o número (85) 98969-0182.

As denúncias também podem ser feitas, por meio de ligação gratuita, para o 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS); ou para a Delegacia Metropolitana de Pacajus, pelo número (85) 3348-4591. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Com informações da Comunicação da Polícia Civil.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Obituário - Esposa do dono da Betânia morre vítima de Covid- 19

Faleceu agora a pouco, vítima da Covid-19, a Sra. Gladia Girão, esposa do empresário Luiz Girão, dono da Lacticínios Betânia.

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada.Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas