Pular para o conteúdo principal

Decon cobra Plano de Contingenciamento, informações e providências de hospitais privados em Fortaleza

 Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio do Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon), realizou, no dia 3, diligências fiscalizatórias para que os hospitais privados de Fortaleza apresentem o Plano de Contingenciamento em relação à epidemia do Coronavírus na atual fase, os dados sobre o número de pacientes diagnosticados com Covid-19 no Hospital nos últimos 20 dias e os dados sobre o número de pacientes internados em leitos (enfermaria e quartos) com Covid-19 no hospital nos últimos 20 dias. A atuação fundamenta-se em razão do aumento do número de casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus no Estado do Ceará. 

O documento também requer informações acerca dos dados sobre o número de pacientes internados em leitos de UTIs com Covid-19 no hospital nos últimos 20 dias, bem como os dados sobre quantos pacientes existem atualmente internados em leitos comuns e em UTIs com Covid-19 no hospital. Devem ser apresentados, ainda, todos os atuais protocolos relativos aos pacientes suspeitos e com Covid-19, inclusive na emergência, como também os dados sobre o estoque atual de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e se há material disponível para as equipes em hospitais privados de Fortaleza.  

As unidades hospitalares devem informar qual o atual fluxo de atendimento dos pacientes suspeitos de Covid-19, manifestando-se sobre se há priorização e análise imediata dos casos que necessitam internação dos pacientes suspeitos de Covid-19, e ainda o tempo decorrido entre o ingresso do paciente na emergência e a admissão dele no leito de internação (caso ocorra).  

Os hospitais também devem indicar qual o número de leitos separados para pacientes com Covid-19, e se pelo menos 20% continuam separados, atualmente, bem como plano para caso de agravamento da crise como ocorreu em outros países e/ou para caso de agravamento da crise epidemiológica. O Decon cobra a manifestação sobre quais as providências adotadas para aumentar o número de leitos e de leitos de UTI, inclusive acerca da suspensão de cirurgias eletivas de acordo com o incremento do número de internações ocasionadas pelo Covid -19. 

O órgão consumerista solicitou aos hospitais informações sobre as providências adotadas para assegurar que os dados epidemiológicos sejam fornecidos com agilidade para a autoridade sanitária, notadamente sobre a suficiência de quadro de pessoal administrativo, as providências adotadas para garantir a separação dos pacientes da emergência dos casos suspeitos de Covid-19, para melhoria contínua do fluxo de admissão e diminuição do tempo para internação e separação dos pacientes.  

Segundo o secretário-executivo do Decon, promotor de Justiça Hugo Vasconcelos Xerez, foi concedido prazo para as empresas apresentarem defesas administrativas, contados a partir da data de autuação, estando sujeitas à penalização administrativa. A fiscalização continua ao longo do mês de março.  

Canais de denúncia 

A população também pode enviar denúncias ao Decon através do e-mail deconce@mpce.mp.br ou do WhatsApp: (85) 98685-6748 / (85) 98960-3623. 

Acesse os demais contatos de emergência disponibilizados pelo Decon no link: http://www.mpce.mp.br/decon/contatos-de-emergencia-do-decon/ 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

    Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada. Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar na avenida 13 de maio em Fortaleza; um homem foi atingido a tiros

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar em frente ao MCDonald's da Avenida 13 de Maio em Fortaleza. Um homem foi atingido a tiros dentro do Paladar por homens que desceram de um veículo Corolla para executá-lo. Informação não oficial revela que a vítima é o dono do Restaurante. Depois do crime, os  homens  entraram  no carro e fugiram.  Em seguida, quem estava no MCDonald's correu para perto da vítima . A ambulância do SAMU já chegou e nada da polícia. O barulho dos tiros parecia de fogos de artifício. Muita violência para esse fim de noite de domingo.. Atualização.. O Paladar entrou em contato com a gente pelas redes sociais e informou que a vítima foi um cliente. O dono do Restaurante não foi atingido. 

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar.