Pular para o conteúdo principal

Justiça aceita denúncia do MPCE contra homem que cometeu crime de poluição ambiental em Fortaleza

 

O Juízo de Direito da 18ª Vara Criminal da Capital recebeu denúncia, nessa segunda-feira (17/05), oferecida pela 97ª Promotoria de Justiça de Fortaleza contra Antônio Oliveira da Rocha, por crimes de poluição ambiental, execução de atividade potencialmente poluidora sem autorização e fraude processual. A denúncia foi formulada pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) após ter sido constatado que o homem despejou resíduos poluidores em manancial da lagoa do Opaia, na Capital.

Em 3 de fevereiro de 2021, inspetores da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) se dirigiram à travessa Riachuelo, localidade de Sítio Mingote, no bairro Vila União, em Fortaleza, quando depararam com Antônio Oliveira da Rocha, junto com um ajudante, manuseando óleo de cozinha que, supostamente, seria reutilizado na fabricação de sabão. O denunciado e o ajudante estavam retirando o produto de uma caminhonete e despejando-o diretamente no solo, num terreno utilizado para depósito de tanques e barris, sendo que os resíduos escorriam para um córrego ligado à lagoa do Opaia, situada ali próximo. O terreno está encravado em Área de Preservação Permanente (APP) do riacho do Opaia, conforme constatado em laudo pericial produzido pelo Núcleo de Perícia em Engenharia Legal e Meio Ambiente da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce).

Ao ser efetuada abordagem, os agentes policiais verificaram que o denunciado não possuía licença ambiental para aquela atividade potencialmente poluidora e, mais do que isso, o despejo dos resíduos efetivamente poluía o manancial existente. Depois disso, no bojo da investigação policial, quando a mesma equipe de inspetores acompanhou um perito da Pefoce ao local, para fins de exame pericial, constatou-se que o denunciado promovera uma adulteração na cena do crime, isto é, no terreno onde se encontravam os tanques e barris. Nessa visita, os agentes perceberam que o lugar estava mais limpo e organizado, tendo sido aterrado com areia, ocultando o lançamento de óleo vegetal.

O promotor de Justiça Marcus Amorim, que assina a denúncia, ressalta que tem se tornado mais frequente situações em que uma pessoa física ou jurídica, às vezes apresentando-se como um projeto ambiental, recolhe em estabelecimentos particulares resíduos, como óleos vegetais, para fins de reutilização, porém, sem dispor de autorização do órgão ambiental para recolhimento, depósito ou manipulação desses resíduos, o que pode, em vez de promover menos impacto ao meio ambiente, contribuir para maior degradação ambiental.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pá eólica- Gravíssimo acidente na BR-020, em Parambu, deixa dois mortos ; uma das vítimas sócio do Floresta Bar

    Um gravíssimo acidente foi registrado no inicio da manhã deste domingo, 30, na BR-020, KM 45, à altura da localidade de Pau Preto, Parambu. Segundo as informações preliminares, um carro de passeio de luxo, Modelo Audi, ano 2019, cor cinza, placas PBU- 1521, inscrição de Brasilia, DF, colidiu com uma carreta que transportava peças de energia eólica e acabou sendo praticamento esmagado. Segundo ainda informações preliminares, no veículo duas pessoas vieram a óbito e ficaram presas as ferragens. O Corpo de Bombeiros de Tauá foi acionado para resgatar os corpos que posteriormente foram identificados como: Omar Falcão Soares, 67 anos, e Alexandre Barbosa Soares, pai e filho, residentes em Fortaleza. A BR-020 se encontra interditada. Com informações do Repórter Abraão Barros e fotos de internautas

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar na avenida 13 de maio em Fortaleza; um homem foi atingido a tiros

Tiroteio e pânico no Restaurante Paladar em frente ao MCDonald's da Avenida 13 de Maio em Fortaleza. Um homem foi atingido a tiros dentro do Paladar por homens que desceram de um veículo Corolla para executá-lo. Informação não oficial revela que a vítima é o dono do Restaurante. Depois do crime, os  homens  entraram  no carro e fugiram.  Em seguida, quem estava no MCDonald's correu para perto da vítima . A ambulância do SAMU já chegou e nada da polícia. O barulho dos tiros parecia de fogos de artifício. Muita violência para esse fim de noite de domingo.. Atualização.. O Paladar entrou em contato com a gente pelas redes sociais e informou que a vítima foi um cliente. O dono do Restaurante não foi atingido. 

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar.