Pular para o conteúdo principal

Suspeito de matar escrivão da PCCE em Tauá é incluído na lista de mais procurados do Estado

 O homem identificado como Antonio Josivan Lopes Silva (30), suspeito de matar um escrivão da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), tem imagem divulgada e passa a integrar a lista dos foragidos mais procurados do Ceará. As Forças de Segurança do Estado seguem em diligências ininterruptas a fim de capturar o indivíduo. O policial civil Aloizio Alves de Lima Amorim, de 60 anos, era escrivão da PCCE há 10 anos.

O crime ocorreu nessa sexta-feira (30), no município de Tauá – pertencente à Área Integrada de Segurança 22 (AIS 22) do Estado. O suspeito, que já responde a procedimentos policiais, entre eles, tráfico de drogas, homicídio e latrocínio, segue sendo procurado por meio de buscas que contam com equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), Polícia Civil do Estado do Ceará e uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

A SSPDS ressalta que o objetivo da divulgação é impulsionar denúncias que auxiliem na localização do investigado. A pasta reitera que todos os recursos disponíveis no Sistema de Segurança do Estado estão sendo empregados para que a prisão do suspeito aconteça o mais rápido possível, ao passo que lamenta profundamente a morte do policial civil Aloizio e se solidariza com sua família e amigos.

Denúncias

A Secretaria frisa que os trabalhos de levantamento para localizar o suspeito seguem intensos. A SSPDS coloca à disposição da população números de telefones 181, que é o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), e o número (88) 98134-6884, da Delegacia Regional de Tauá, que também é o WhatsApp da unidade policial. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar. 

Boletim de saúde sobre Normando Sóracles

 Boletim manhã 05/12 Normando Soracles segue internado na UTI do hospital São Camilo em Fortaleza onde deu entrada na noite do dia 01/12. Encontra-se sedado, se mantendo clinicamente estável após intubação orotraqueal realizada na manhã do dia 03/12. Apresentou melhora significativa do quadro respiratório e dos exames laboratoriais em comparação ao dia anterior. Mantendo-se sem febre e sem leucocitose. Vem respondendo satisfatoriamente a pronação (técnica que consiste em alternar a posição de deitada) mais conhecida como "posição do nadador". Novos exame serão realizados ao fim desta tarde.   Seguimos cada vez mais confiantes na sua plena recuperação. Tendo a convicção plena que Deus é conosco!