Pular para o conteúdo principal

PEÇA ‘DAS QUE OUSARAM DESOBEDECER’ ESTREIA NESTA QUARTA TRAZENDO HISTÓRIAS DE MULHERES CEARENSES QUE RESISTIRAM À DITADURA

 

A produção da Cia Bravia tem direção de Herê Aquino e partiu de pesquisa nos arquivos da Comissão da Verdade, além de importante material testemunhal.


IMG_9519.jpg

(Fotos de divulgação: Tim Oliveira)

A Companhia Bravia estreia nesta quarta-feira (28) seu novo espetáculo ‘Das que ousaram desobedecer’. Com direção de Herê Aquino, as atrizes Liliana Brizeno, Marina Brito e Marina Brizeno trazem ao palco histórias de mulheres cearenses que resistiram à ditadura militar brasileira entre os anos de 1960 e 1970. A dramaturgia partiu de pesquisas nos arquivos da Comissão da Verdade e de entrevistas com mais de 10 mulheres de importante participação nas frentes de resistência daquele período como Rosa da Fonseca, Nadja Oliveira, Ruth Cavalcante, Helena Serra Azul, Rita Sipahi, Beliza Guedes, Jana Barroso. 

O público vai poder conferir o trabalho em transmissão gratuita pelos canais no YouTube da JUTV e do Grupo Expressões Humanas na quarta-feira (28) a partir das 20h.

Construída sob a estrutura de teatro documental, a cena costura relatos e informações levantadas em pesquisa de arquivo lançando mão da música como elemento poético. Nesse sentido as musicistas Gigi Castro e Letícia Marram completam a equipe em cena. A atriz Marina Brito comenta que além de material autoral, há canções que as entrevistadas trouxeram em seus relatos, puxadas na memória afetiva e que marcaram sua geração. “O espetáculo é uma ode a essas mulheres”, pontua Marina Brito, “muitas delas tiveram papel central nas frentes de resistência, mas a gente não fica sabendo porque é sempre privilegiada a perspectiva de nomes masculinos”, pontua, “partimos da necessidade de colocar essas mulheres na pauta.”

SOBRE A COMPANHIA

Companhia de teatro criada por mulheres artistas pesquisadoras que buscam e acreditam no protagonismo feminino em seus processos criativos, entendendo o teatro como um lugar de construção artística, de encontro e de ação política. A companhia é composta, atualmente, por cinco artistas: Aline Rodrigues, Liliana Brizeno, Herê Aquino, Marina Brito e Marina Brizeno, que se dividem nas funções técnicas e artísticas dentro da companhia. Um dos principais objetivos artísticos é sempre ter a criação técnica alinhada com a criação cênica e dramaturgia desde o início dos processos de criativos.

PROJETO #HereAquiNoMundo

O projeto #HerêAquiNoMundo realiza programações desde março. Começou com uma mostra com espetáculos recentes dirigidos por Herê. Em abril, foi aberta ao público uma exposição digital compartilhando bastidores e detalhes dessas obras cênicas. A sala virtual pode ser acessada neste linkEncerra, agora, com a estreia deste novo trabalho da diretora junto com a Cia Bravia.

Projeto apoiado pela Secretaria Estadual da Cultura, através do Fundo Estadual de Cultura, com recursos provenientes da Lei Federal nº 14.017 de 29 de junho de 2020 (Aldir Blanc).

SERVIÇO

Estreia
Espetáculo 'Das Que Ousaram Desobedecer'
Quarta-feira (28), 20h  
https://www.youtube.com/user/expressoeshumanas 
Gratuito 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar. 

Boletim de saúde sobre Normando Sóracles

 Boletim manhã 05/12 Normando Soracles segue internado na UTI do hospital São Camilo em Fortaleza onde deu entrada na noite do dia 01/12. Encontra-se sedado, se mantendo clinicamente estável após intubação orotraqueal realizada na manhã do dia 03/12. Apresentou melhora significativa do quadro respiratório e dos exames laboratoriais em comparação ao dia anterior. Mantendo-se sem febre e sem leucocitose. Vem respondendo satisfatoriamente a pronação (técnica que consiste em alternar a posição de deitada) mais conhecida como "posição do nadador". Novos exame serão realizados ao fim desta tarde.   Seguimos cada vez mais confiantes na sua plena recuperação. Tendo a convicção plena que Deus é conosco!