Pular para o conteúdo principal

Investigações da PC-CE apontam que invasão ao celular do governador Camilo Santana tinha como objetivo o desvio de verba pública

 

Uma ação interestadual desenvolvida pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) resultou na prisão, neste domingo (8), do homem suspeito de clonar o aparelho celular do governador Camilo Santana, no último dia 2 de agosto. As investigações apontam que o suspeito tentou, utilizando dados do governador Camilo Santana, a liberação de chaves de segurança bancárias, para realizar transferência de valores de uma conta de uma prefeitura do interior do Pará, porém o suspeito não teve êxito no golpe. Detalhes da ação policial foram divulgados em coletiva de imprensa, na manhã de hoje (9), na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em Fortaleza.

A operação para prisão do suspeito ocorreu, simultaneamente, em três estados da federação. Do Ceará, parte da equipe envolvida acompanhava a movimentação do suspeito. Já outra parte da equipe foi deslocada para o estado de São Paulo, onde o alvo se encontrava. Já no Maranhão, onde o homem desembarcou e acabou preso. Do aeroporto, os policiais civis seguiram até a casa do suspeito, onde apreenderam vasto material eletrônico, como aparelhos celulares, notebooks, drone, maquinetas para cartões magnéticos, além de três veículos, um Land Rover Discovery, um Fiat Cronos e um UTV – veículo utilitário multitarefas.

Leonel Silva Pires Júnior, de 33 anos, que já possui diversos antecedentes criminais, foi preso em 2018 durante uma operação da Polícia Federal em São Luís, no Maranhão. Ele foi capturado no estacionamento do Aeroporto Internacional Mariscal Cunha Machado, na cidade de São Luís.

Leonel, que é considerado um especialista em furtar dinheiro público por meio de tecnologia cibernética, foi preso por força de mandado de prisão preventiva solicitado pela PC-CE e deverá responder pelos crimes de invasão de dispositivo telefônico além de estelionato consumado e tentado.

As investigações foram conduzidas pela Delegacia de Combate aos Crimes de Lavagem de Dinheiro (DCCLD), com informações do Departamento de Inteligência Policial (DIP) da Polícia Civil cearense. A Polícia Civil do Estado do Maranhão (PCMA) deu apoio operacional. O levantamento de dados obtido durante a investigação da polícia cearense será compartilhado com as polícias de outros estados que tiveram autoridades vítimas do mesmo homem.

O crime

As investigações demonstram que o suspeito conseguia acessar os dados telefônicos das vítimas, utilizando uma técnica conhecida como “SIM Swap”, que consiste em transferir a linha do chip da vítima para um chip em branco. A partir disso, ele consegue resgatar informações pessoais, além de acesso a aplicativos, conforme as apurações policiais.

Com base nas informações obtidas pelos investigadores, o suspeito fez contato com uma instituição financeira e tentou a liberação de uma chave de segurança bancária. O objetivo para conseguir essa chave de segurança seria a liberação de um valor do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), que está provisionado em uma conta de uma cidade do interior do Pará.

Ainda conforme as investigações, outras autoridades foram vítimas do mesmo homem. São prefeitos, governadores e um ministro do governo federal. Os fatos seguem em apuração.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Irmão do prefeito de Caucaia e candidato a reeleição, Naumi Amorim, teria sido preso suspeito de crime eleitoral com grande quantidade de dinheiro. Polícia Federal não confirma prisão

 A abordagem foi realizada pela Polícia Civil e por se tratar de possível ilícito eleitoral. Ele teria sido encaminhado para a Polícia Federal juntamente com três secretários da Prefeitura. Além do dinheiro, cerca de 1 milhão de reais, foram apreendidos “Livros-caixas” da contabilidade. Por enquanto não foi confirmada a prisão pela Polícia Federal. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, se foi para a PF, tem todo um procedimento de formalidades, desde ouvir o conduzido, testemunhas, analise do que foi apreendido etc. A PF não informa nome de pessoas. O site Ceará é Notícia entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do candidato a fim de saber se o mesmo vai se manifestar. 

Boletim de saúde sobre Normando Sóracles

 Boletim manhã 05/12 Normando Soracles segue internado na UTI do hospital São Camilo em Fortaleza onde deu entrada na noite do dia 01/12. Encontra-se sedado, se mantendo clinicamente estável após intubação orotraqueal realizada na manhã do dia 03/12. Apresentou melhora significativa do quadro respiratório e dos exames laboratoriais em comparação ao dia anterior. Mantendo-se sem febre e sem leucocitose. Vem respondendo satisfatoriamente a pronação (técnica que consiste em alternar a posição de deitada) mais conhecida como "posição do nadador". Novos exame serão realizados ao fim desta tarde.   Seguimos cada vez mais confiantes na sua plena recuperação. Tendo a convicção plena que Deus é conosco!