Pular para o conteúdo principal

Centro de Inovação do SESI Ceará lança Observatório Analítico de Acidentes no Trabalho


 

O Centro de Inovação em Economia para Saúde e Segurança (CIS) do SESI Ceará lança hoje (28/9) o Observatório Analítico de Acidentes no Trabalho. A ferramenta, que tem como base dados fornecidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social, tem o objetivo de facilitar e agilizar a busca por informações e dados sobre acidentes laborais. A ideia surgiu a partir da elaboração de projetos de inovação setorial em segurança do trabalho para o segmento da construção civil. O Observatório Analítico estará à disposição no site observatorioacidentes.sfiec.org.br/


Segundo o coordenador do CIS, o SESI Ceará vem desenvolvendo soluções e conteúdos técnicos que visam auxiliar empresas a identificar e gerir os custos com segurança e saúde, monitorar indicadores e mensurar impactos de ações implantadas. Como é o caso dos programas de qualidade de vida customizadas de acordo com a real necessidade de uma empresa. “Com esse foco, o CIS iniciou uma linha de desenvolvimento direcionada a geração de observatórios voltados para identificação dos cenários nacionais relacionados as diversas variáveis da segurança e saúde”, explica o coordenador. 

O primeiro observatório a ser lançado é este, Observatório Analítico de Acidentes de Trabalho, que trará a relação dos tipos de acidentes e suas variáveis, dos setores empresariais e dos anos que ocorreram os acidentes, bem como os custos de benefícios gerados. Simões informa que a missão é entregar para as empresas a possibilidade de perceberem quais as principais situações de acidentes e, a partir dessa visualização do cenário, buscarem soluções que mitiguem as causas geradoras desses acidentes, isso possibilitará a geração de um ciclo virtuoso de gestão de segurança e saúde e geração de economia. O CIS teve a contribuição do Observatório da Indústria da FIEC nesse projeto, que usou da sua expertise para a criação dos dashboards e cruzamento dos dados.


Praticidade


De forma totalmente intuitiva o projeto do CIS disponibilizará informações relacionadas a acidentes de trabalho e benefícios acidentários concedidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), estruturados em Business Intelligence (BI) com diversos filtros para pesquisar conforme necessidade. 

De acordo com Rodrigo Nogueira, engenheiro de segurança pesquisador do CIS, os usuários poderão ter acesso a quantidade de acidentes por ano, segmento econômico e estado. Bem como informações sobre agentes causadores, natureza da lesão e partes do corpo atingida no acidente de trabalho. “Ele também trará informações sobre benefícios acidentários concedidos e ranqueamento desses afastamentos por Código Internacional de Doenças CID-10”, complementa o engenheiro.


Usabilidade


O diferencial deste observatório é que o CIS disponibiliza as informações de forma enxuta, simples, objetiva e intuitiva. Garantindo, assim, uma boa experiência na usabilidade dos painéis e trazendo informações que essenciais para entendimento do cenário atual do Brasil, especialmente do Ceará.

Além disso, qualquer pessoa física ou jurídica que tenha interesse em analisar os dados poderá acessá-la forma gratuita e, ainda, contribuir para a melhoria do sistema fornecendo sugestões e críticas.

Nogueira avalia positivamente essa entrega do Observatório Analítico de Acidentes de Trabalho com insumos para o conhecimento da situação atual dos acidentes no País, podendo direcionar projetos e programas de segurança e saúde do trabalho para a real problemática do setor. “Terão, por exemplo, segmentos econômicos que os problemas ergonômicos serão mais evidentes possibilitando uma demanda de ações nessa área”, conclui.

Dados

Com acesso aos dados disponibilizados pelo Observatório Analítico de Acidentes no Trabalho as empresas podem filtrar e selecionar o que necessitam e customizar de acordo com o seu perfil de atuação e de colaboradores. Com posse dessas informações fica mais fácil agir estrategicamente na decisão de prevenções e projetos direcionados a Saúde e Segurança do Trabalho (SST).


De acordo com dados apurados pelo Observatório Analítico de Acidentes no Trabalho, o Ceará ocupa a 12ª colocação em acidentes de trabalho no Brasil. Em 2019, aconteceram no estado 9.230 acidentes de trabalho. Em 2020, houve redução para 6.293 casos e, no primeiro semestre de 2021, ocorreram 4.627 acidentes laborais. Já no comparativo entre o primeiro semestre de 2021 contra o mesmo período do ano anterior houve aumento em todos os meses. 


Sendo que o top 3 dos acidentes no Estado, traz em primeiro lugar ferimentos de dedos, seguidos por entorse ou distensão do tornozelo e, em terceiro, doenças transmissíveis. Já na esfera Brasil, o top 3 de acidentes por atividades econômicas se apresenta da seguinte forma: em 1° atividades de atendimento hospitalar com 125 mil acidentes; 2° comércio varejista de produtos alimentícios com 37 mil acidentes; e 3° transporte rodoviário de carga com 27 mil acidentes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

Idomed Canindé realiza capacitação de profissionais da saúde sobre acolhimento e humanização do atendimento no SUS

  Os profissionais da saúde da atenção básica no município de Canindé, além dos profissionais que atuam na Central de Marcação do município e na Central de Abastecimento Farmacêutico, participaram de capacitação sobre acolhimento e humanização do atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), na última semana. O evento aconteceu no auditório do  Instituto de Educação Médica Idomed Canindé em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Canindé e com o Ciclo Permanente de Educação Continuada da Faculdade Estácio de Canindé. Segundo o professor Dr. Orleâncio Gomes Ripardo de Azevedo, coordenador do programa de extensão do Idomed de Canindé, a capacitação é um importante passo para o fortalecimento dos trabalhos da rede pública de saúde. “Esse tipo de ação de aprimoramento que estamos proporcionando aos profissionais da saúde irá beneficiar todos, principalmente a população que utiliza os serviços de saúde pública”, explica. A diretora da unidade de Canindé, Iael Marinheiro, explica que