Pular para o conteúdo principal

PMCE apreende quase 7kg de drogas em duas ações realizadas em Tianguá

 Duas ações da Polícia Militar do Ceará (PMCE) no município de Tianguá, na Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14), resultaram em uma prisão e nas apreensões de uma arma e quase 7 quilos de entorpecentes. A prisão e as apreensões de um revólver e cocaína, crack e maconha foram realizadas entre essa sexta-feira (24) e este sábado (25) pelo Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) e pela Força Tática (FT).

Uma equipe da Força Tática da PMCE que realizava o patrulhamento da região neste sábado recebeu informações a respeito de uma ocorrência com supostos disparos de arma de fogo em uma via do município. Diante disso, os policiais militares se deslocaram até o endereço, onde observaram uma movimentação suspeita.

Durante as buscas pela área, os militares realizaram diligências e chegaram ao quintal de uma residência onde indivíduos teriam abandonado uma mochila. Após uma vistoria no acessório, foram encontrados vários pacotes com entorpecentes.

O material encontrado na mochila totalizou 3,6 quilos de cocaína, 1,2 quilo de maconha e 80 gramas de crack, além de uma pequena quantidade de substância análoga à pasta base e uma balança. O material ilícito estava embalado em tabletes e outros pacotes.

Os entorpecentes foram encaminhados à Delegacia Regional de Tianguá da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE). A unidade policial é a responsável pelas investigações e instaurou um inquérito por portaria com o objetivo de investigar o caso. As investigações visam identificar e capturar os suspeitos de praticar tráfico de drogas.

No dia anterior, também em Tianguá, uma equipe do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) prendeu um homem e apreendeu uma arma de fogo e entorpecentes no bairro Aeroporto. Os raianos realizavam o patrulhamento do bairro, quando avistaram um homem com uma arma na mão, que fugiu ao perceber a aproximação dos policiais militares.

Os profissionais da segurança alcançaram o suspeito e deram voz de parada ao homem, que foi abordado e identificado como Carlos Alberto Ferreira de Oliveira (40), que já possui antecedentes por tentativa de homicídio, ameaça, roubo e tráfico de drogas. Com ele, foram apreendidos um revólver, equipado com seis munições, 2,1 quilos de maconha e quantidades de cocaína e maconha, além de dois rojões, uma quantia em espécie, uma balança e material plástico, que seria utilizado para embalar os entorpecentes.

Diante dos fatos, o homem recebeu voz de prisão e foi conduzido à Delegacia Regional de Tianguá da PC-CE, para onde também foram encaminhados os entorpecentes. O suspeito foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. A Polícia Civil segue investigando o caso e apura se o indivíduo participou de outras ocorrências na região.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

As denúncias também podem ser encaminhadas para o telefone (88) 3671-9328, da Delegacia Regional de Tianguá. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

Idomed Canindé realiza capacitação de profissionais da saúde sobre acolhimento e humanização do atendimento no SUS

  Os profissionais da saúde da atenção básica no município de Canindé, além dos profissionais que atuam na Central de Marcação do município e na Central de Abastecimento Farmacêutico, participaram de capacitação sobre acolhimento e humanização do atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), na última semana. O evento aconteceu no auditório do  Instituto de Educação Médica Idomed Canindé em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Canindé e com o Ciclo Permanente de Educação Continuada da Faculdade Estácio de Canindé. Segundo o professor Dr. Orleâncio Gomes Ripardo de Azevedo, coordenador do programa de extensão do Idomed de Canindé, a capacitação é um importante passo para o fortalecimento dos trabalhos da rede pública de saúde. “Esse tipo de ação de aprimoramento que estamos proporcionando aos profissionais da saúde irá beneficiar todos, principalmente a população que utiliza os serviços de saúde pública”, explica. A diretora da unidade de Canindé, Iael Marinheiro, explica que