Pular para o conteúdo principal

Prefeitura de Fortaleza inicia vacinação da terceira dose contra a Covid-19 para idosos acima de 70 anos

 Prefeitura de Fortaleza iniciou neste sábado (25/09) a vacinação da terceira dose para idosos acima de 70 anos, na ordem decrescente. O prefeito José Sarto visitou a Unidade de Atenção Primária à Saúde (UAPS) Rigoberto Romero, no bairro Cidade 2000, para acompanhar de perto o processo. Foram agendados, para o dia, 27 mil idosos e, contando com a segunda dose, 45 mil pessoas no total.

A terceira dose será agendada àqueles que já receberam a segunda há pelo menos seis meses, conforme protocolo do Ministério da Saúde. Alguns imunizantes, como a vacina Astrazeneca, possui um intervalo maior e, por isso, o prazo para o recebimento desse reforço pode ser maior.

Entre sexta-feira e domingo (24 a 26/09), a Prefeitura de Fortaleza pretende vacinar contra a Covid-19 cerca de 85 mil pessoas por agendamento. Além das segundas e terceiras doses, haverá vacinação de adolescentes e repescagem de adultos que perderam sua convocação para a primeira dose.

“Somando as primeiras, segundas e terceiras doses, além da dose única, já completamos mais de 3 milhões de vacinas aplicadas. É importante acompanhar o site da Prefeitura para checar as listas e comparecer no dia agendado. Também ficar atento à chamada dos parentes”, destacou o prefeito José Sarto.

casal posa para a foto
O casal Molinari Batista, de 84 anos, e Maria Célia Molinari, de 79 anos, foi ao local para receber a terceira dose

Neste momento, o município está operacionalizando a terceira dose com a vacina da Pfizer. De acordo com a secretária adjunta da saúde, Aline Gouveia, a Janssen e a Astrazeneca também são autorizadas para essa aplicação. “Estamos realizando a vacinação em ordem decrescente de idade, porém é preciso respeitar o intervalo de seis meses entre a segunda e a terceira dose”, explicou.

O casal Molinari Batista, de 84 anos, e Maria Célia Molinari, de 79 anos, foi ao local para receber a terceira dose. Para Maria Célia, que recebeu a segunda dose no início do mês de março, esta foi mais uma oportunidade de garantir a saúde neste momento de pandemia. “Estou confiando na ciência e seguindo todas as recomendações para a minha segurança. A vacina sempre traz essa prevenção contra as doenças, e desde criança ouvimos isso. Com essa terceira dose, tenho a confiança de que estou mais protegida”, declarou.

Idosos restritos ao leito

Aline Gouveia enfatiza que, em relação aos idosos restritos ao leito, é preciso ficar atento ao agendamento e comparecer ao posto de saúde mais próximo da sua residência para informar essa condição e para que a equipe programe a vacinação no âmbito domiciliar.

Programação

Neste sábado, a vacinação aconteceu em 70 pontos de vacinação, entre postos de saúde, drive-thrus e shoppings.

Confira a programação deste fim de semana

VacinArte

Neste último final de semana do mês de setembro acontece mais uma edição do projeto VacinArte, com atrações musicais em dez pontos de vacinação contra a Covid-19, dentre os quais o posto Rigomero Romero. O projeto é uma realização da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor). Neste sábado e domingo (25 e 26/09), artistas e grupos musicais se apresentam em horários e polos de vacinação distintos, levando descontração para as pessoas na fila da imunização.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

Idomed Canindé realiza capacitação de profissionais da saúde sobre acolhimento e humanização do atendimento no SUS

  Os profissionais da saúde da atenção básica no município de Canindé, além dos profissionais que atuam na Central de Marcação do município e na Central de Abastecimento Farmacêutico, participaram de capacitação sobre acolhimento e humanização do atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), na última semana. O evento aconteceu no auditório do  Instituto de Educação Médica Idomed Canindé em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Canindé e com o Ciclo Permanente de Educação Continuada da Faculdade Estácio de Canindé. Segundo o professor Dr. Orleâncio Gomes Ripardo de Azevedo, coordenador do programa de extensão do Idomed de Canindé, a capacitação é um importante passo para o fortalecimento dos trabalhos da rede pública de saúde. “Esse tipo de ação de aprimoramento que estamos proporcionando aos profissionais da saúde irá beneficiar todos, principalmente a população que utiliza os serviços de saúde pública”, explica. A diretora da unidade de Canindé, Iael Marinheiro, explica que