Pular para o conteúdo principal

#8M: Exposição em Fortaleza retrata mulheres que reescreveram a própria história após romper ciclo de violência



A segunda edição da mostra O Que Não nos Disseram traz histórias de protagonismo feminino traduzidas pelas lentes de grandes fotógrafas do cenário cearense


Cumprimentar os vizinhos, mobiliar a própria casa com aquele jogo de panelas preferido, ir ao supermercado e poder comprar brócolis ou uma acetona, vestir um short pra ir à academia. Ações aparentemente simples, mas muito poderosas para  mulheres que precisaram ser protagonistas da própria história e romper o ciclo de violência doméstica. Para exaltar este protagonismo, o projeto O Que Não Nos Disseram, idealizado pela jornalista Andressa Meireles, lança a segunda edição da exposição interativa que retrata mulheres que têm muita vida para compartilhar.


A instalação, que ocorrerá no Shopping Iguatemi Fortaleza, de 7 a 21 de março, traz 16 retratos gigantes feitos por 13 fotógrafas e muitas novidades. A experiência, desta vez,  será mais democrática e acessível e contará com fotografias táteis, audiodescrição e tradução em libras, a partir de uma parceria celebrada entre o projeto e a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade Estadual do Ceará (UECE). Com retratos de  Camila de Almeida, Delfina Rocha, Lia de Paula, Natália Marques e outros nomes da fotografia cearense, a exposição será aberta ao público.


O Que Não Nos Disseram é um projeto que amplia as discussões diante do que não é dito sobre a violência contra a mulher, jogando luz sobre as outras violações previstas na Lei Maria da Penha como a violência psicológica, moral, sexual e patrimonial. Além disso, a proposta é trazer o debate sob a perspectiva das mulheres.


“Existe uma potência muito grande em nos sabermos vítimas, mas nos vermos mulheres. De a gente a gente não ter a nossa história circunscrita à violência que nós sofremos”, explica a jornalista Andressa Meireles. “Não somos mais vítimas, fomos. Também não somos mais sobreviventes, somos mulheres, temos histórias para contar além da violência vivida. E o nosso projeto tem na essência esse resgate da identidade”.


Para Muryell Damasceno, de 36 anos, ser fotografada e participar da exposição foi também uma forma de expor para outras mulheres que é possível vislumbrar um novo caminho. “Eu acredito que o projeto tenha trazido pra mim e para outras pessoas que vivenciaram a minha história por meio da exposição, dos vídeos e áudios, uma compreensão melhor do que é superar a violência doméstica e poder vislumbrar uma vida depois disso. Isso é fundamental, não é uma utopia”, reforça a promotora de vendas.


O Que Não Nos Disseram


O Que Não Nos Disseram é, antes de tudo, um levante contra as violências contra a mulher. Violências no plural.  Idealizado pela jornalista  Andressa Meireles, o OQNND nasce de uma dor particular - após ter rompido uma relação em que sofreu violência - e floresce com outras vozes. “É construído com as mãos, ouvidos, ombros e vozes de muitas, muitas mulheres, numa abordagem afirmativa, que reforça a coragem, a liberdade, a vida (e a beleza da vida), pautado não em superação, mas em ressignificação”, reforça Andressa. O Que Não Nos Disseram é palavra, é escuta e é manifesto.


O projeto foi lançado, oficialmente, à convite da OAB(CE) na Conferência Nacional da Mulher Advogada em 2020, fez parte da programação principal do Shopping Riomar Fortaleza também em 2020 e conta com uma exposição na sede da Defensoria Pública do Estado do Ceará.


A segunda edição da Exposição O Que Não Nos Disseram é uma iniciativa a partir da lei federal de incentivo à cultura apresentada pelo Ministério do Turismo junto ao Instituto Aço Cearense com patrocínio também da Cagece e da Secretaria das Cidades do Governo do Estado do Ceará. Conta com o apoio do Shopping Iguatemi, da Universidade Federal do Ceará (através dos grupos Fotografia Tátil,  Oficina Digital, Departamento de Arquitetura e Urbanismo - DAUD-, Letras Libras e Secretaria de Acessibilidade), da Universidade Estadual do Ceará pelo Grupo de Pesquisa Legendagem e Audiodescrição (Lead) da DelRio, além da Escola Superior da Defensoria Pública do Estado do Ceará e Defensoria Pública do Estado do Ceará. Uma realização da Guerreiro Produções Artísticas e Culturais, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal/Pátria Amada Brasil.


Serviço

Lançamento da segunda edição da exposição O Que Não Nos Disseram

Onde: Shopping Iguatemi Fortaleza

Quando: 7 de Março, às 19h

Período: em cartaz até 21 de março

Acesso gratuito

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CARIRI GARDEN SHOPPING

  Para evitar aglomeração e atender a todos que buscam garantir as compras do Natal, as lojas âncoras (C&A, Riachuelo, Renner, Marisa e Americanas) do Cariri Garden Shopping funcionarão com horário diferenciado ao longo da semana. De hoje, 20 de dezembro, até o dia 23, o horário de funcionamento seguirá até às 23h.  Já o Mercadinho São Luiz, estará aberto ao publico nos dias 22 e 23, até às 23h.