Pular para o conteúdo principal

Cidade do Texas começa a enterrar mortos após massacre em escola

 A cidade texana de Uvalde, nos Estados Unidos, começa a sepultar as 21 crianças e professoras que foram mortas em ataque a tiros, em uma escola primária há uma semana. Dois funerais, de duas meninas de 10 anos, ocorrem nesta terça-feira (31).

De acordo com os sites das duas casas funerárias de Uvalde, Amerie Jo Garza era doce, atrevida e engraçada, e adorava nadar e desenhar; Maite Yuleana Rodriguez era uma aluna que gostava de aprender sobre baleias e golfinhos e sonhava em se tornar bióloga marinha. O funeral de Amerie está previsto para hoje à tarde na Igreja Católica do Sagrado Coração de Uvalde, e o de Maite à noite, em uma funerária da cidade.

Elas foram mortas junto com outros 17 alunos, todos com idade entre 9 e 11 anos, e duas professoras por um atirador de 18 anos que invadiu a sala de aula da quarta série e abriu fogo com um rifle semiautomático de alta velocidade AR-15.

Ontem, artistas fizeram um mural com pombas brancas na lateral do edifício Ace Bail Bonds, perto do cemitério.

"Aquelas crianças estavam cheias de vida e sonhos", disse uma das artistas, Yanira Castillo, de 34 anos, que viveu toda a sua vida em Uvalde. "Uma cidade não supera isso. Isso nos afetará para sempre."

Uma série de funerais está marcada para as próximas duas semanas na cidade de 16 mil habitantes, que é quase 80% latina ou hispânica e, em grande parte, católica. Entre eles estão os funerais das duas professoras - Eva Mireles, de 44 anos, e Irma Garcia, de 48.

O marido de Irma, José Garcia, de 50 anos, morreu de ataque cardíaco dois dias após o ataque. Um funeral conjunto está planejado para esta quarta-feira para o casal, que se conheceu no ensino médio e tinha quatro filhos.

"Nosso foco hoje está em nossas famílias que perderam entes queridos. Começamos a enterrar nossos filhos, as vítimas inocentes dos assassinatos da semana passada na Robb Elementary School", disse o prefeito de Uvalde, Don McLaughlin, em comunicado.

Enquanto a cidade sofre, o país novamente discute se deve reformar as leis sobre armamentos, que no Texas permitiram que o atirador comprasse legalmente uma arma do estilo AR-15 em seu aniversário de 18 anos, uma semana antes do massacre.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ajudem a jornalista Marina Alves- TV Verdes Mares

 Oi, gente! Boa noite! Os últimos dias de tratamento foram bem difíceis, por isso fiquei mais ausente por aqui. Agora, começo a recuperar um pouco as forças com a ajuda de transfusões de hemácias e plaquetas. No sentido mais literal que existe, doações que estão salvando a minha vida. Por isso, gostaria de pedir a quem quiser/puder, que me ajude e, consequentemente, ajude outras pessoas com o simples gesto de doar. Pra isso, é só chegar no Fujsan e dizer que quer doar hemácias e plaquetas pra Marina Alves Bezerra. Me disseram que precisa só do nome mesmo, mas se perguntarem mais alguma coisa, lá vai: Nasc 11/04/1989 / CPF: 037.610.203-92 / Inertada no setor de oncologia do Hospital da Unimed. Soube que plaquetas só podem ser doadas por homens, com veias calibrosas. Mas hemácias é uma doação de sangue “normal”. Outra coisa. Soube hoje pelo médico que me acompanha, que além do tratamento de quimioterapia já iniciado, vou precisar de um transplante de medula. Como não tenho irmãos, as cha

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

Idomed Canindé realiza capacitação de profissionais da saúde sobre acolhimento e humanização do atendimento no SUS

  Os profissionais da saúde da atenção básica no município de Canindé, além dos profissionais que atuam na Central de Marcação do município e na Central de Abastecimento Farmacêutico, participaram de capacitação sobre acolhimento e humanização do atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), na última semana. O evento aconteceu no auditório do  Instituto de Educação Médica Idomed Canindé em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Canindé e com o Ciclo Permanente de Educação Continuada da Faculdade Estácio de Canindé. Segundo o professor Dr. Orleâncio Gomes Ripardo de Azevedo, coordenador do programa de extensão do Idomed de Canindé, a capacitação é um importante passo para o fortalecimento dos trabalhos da rede pública de saúde. “Esse tipo de ação de aprimoramento que estamos proporcionando aos profissionais da saúde irá beneficiar todos, principalmente a população que utiliza os serviços de saúde pública”, explica. A diretora da unidade de Canindé, Iael Marinheiro, explica que