Pular para o conteúdo principal

Câmara Municipal de Fortaleza aprova subsídio para manter valor da passagem de ônibus

  Em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira, 20, a Câmara Municipal de Fortaleza aprovou o projeto de lei nº 33/2024, concedendo subsídio ao serviço de transporte público da Capital. A proposta, encaminhada em regime de urgência pelo Executivo, vem subsidiar a diferença entre a tarifa praticada e os custos, que atualmente giram em torno de R$ 6,53 para o transporte regular e R$ 5,75 para o complementar. Com a medida aprovada pelos vereadores, a tarifa aos usuários permanece no valor de R$ 4,50. Os cálculos, segundo a Etufor, apontavam para um cenário de desequilíbrio econômico-financeiro, e com isso a necessidade de concessão de subsídio para que não ocorra reajuste na tarifa. O presidente do Legislativo em exercício, vereador Paulo Martins (PDT), destacou o compromisso da Casa com projetos importantes para a cidade, assegurando direitos para a população. “Nesses 11 dias à frente da Câmara Municipal, a gente quer conduzir os trabalhos com tranquilidade, votar projetos import

*Trabalho indevido de arquitetura e outras irregularidades em obras podem ser denunciados via whatsapp*




Obras e reformas sem responsável técnico ou sem placa de obra; serviços prestados por profissionais de Arquitetura e Urbanismo sem habilitação e/ou sem o  devido Registro de Responsabilidade Técnica (RRT), além de profissionais com condutas antiéticas são algumas irregularidades que podem e  devem ser denunciadas ao novo canal de denúncia do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Ceará (CAU/CE).

 

De acordo com o presidente do CAU/CE, Lucas Rozzoline, o canal no WhatsApp foi criado para possibilitar mais um meio para que as denúncias sejam realizadas de forma prática e rápida. “Sabemos da agilidade que o aplicativo possibilita na vida de todo mundo, fora que ele é um excelente canal de comunicação. Queremos estar mais próximos do cidadão e, principalmente, estar atento às irregularidades inerentes aos serviços relacionados à arquitetura e urbanismo”, explica.

 

*Danos*

 

Lucas Rozzoline destaca sobre os riscos que a sociedade corre quando há irregularidades relacionadas a serviços indevidos de arquitetura que não são denunciadas à tempo. “Infelizmente existem pessoas que se dizem profissionais da arquitetura mas não são. Geralmente cobram um valor abaixo do mercado, mas os danos podem ser incalculáveis. Esse “falso arquiteto”, por exemplo, vai dizer que constrói, que sabe fazer projeto de estrutura, que conhece os melhores materiais, mas ele não tem a preparação e nem a formação adequada para tais serviços sob o risco de a própria obra que ele for fazer ruir depois de um tempo ou até durante a sua construção”, alerta o presidente.

 

“O risco de quem contrata é o de não ter como correr atrás do prejuízo, por isso orientamos que todo contratante exija a identificação do profissional e o RRT. Se ele for habilitado, vai lhe apresentar o documento e você pode verificar a veracidade na internet. Caso não tenha, é imprescindível denunciar para que possamos tomar as medidas cabíveis e evitar futuros danos para todos”, afirma. 


*Como denunciar?*

 

Para denunciar via WhatsApp, basta enviar mensagem para o número (085) 99103-6117, classificar a denúncia em “virtual” ou “in loco” e digitar as informações pedidas em resposta automática para as devidas apurações do setor da fiscalização do Conselho. 

 

O presidente do CAU/CE explica, ainda, que o denunciante pode se identificar ou preferir ficar anônimo. Além do WhatsApp, as denúncias também podem acontecer no site www.cauce.gov.br/denuncia. Em caso de dúvida, deve-se entrar em contato através do e-mail fiscalizacao@cauce.org.br ou por telefone: no (85) 99199-0531, das 8h30 às 13h, de segunda a sexta-feira (exceto feriados).

 

*O que pode ser denunciado?*

 

Podem ser denunciadas obras e reformas sem responsável técnico ou sem placa de obra; Serviços prestados por profissionais de Arquitetura e Urbanismo sem o devido Registro de Responsabilidade Técnica (RRT); Empresas ou profissionais atuando na área de Arquitetura e Urbanismo sem o devido registro no Conselho; além do não cumprimento do Salário Mínimo Profissional em conformidade com a Lei 4.950-A/1966.

 

Também podem e devem ser denunciados editais de licitação e de concursos públicos em que haja restrição à participação de empresa ou ao profissional de arquitetura e urbanismo; Emprego da modalidade pregão em edital de licitação cujo objeto (serviços de arquitetura e urbanismo) tenha natureza predominantemente intelectual; Condutas antiéticas dos profissionais de arquitetura e urbanismo, tais como: Recebimento de remuneração por indicação de produtos e materiais paga por fornecedores e lojistas; bem como negligência, imprudência, imperícia e/ou erro técnico, desde que fundamentados e instruídos por laudo técnico, quando solicitado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CONVOCAÇÃO:

  A SOSERVI - Sociedade de Serviços Gerais Ltda, CNPJ 09.863.853/0010-12, Convoca o funcionário JONAS GADELHA FERNANDES , para comparecer à sede da empresa para resolver assunto de seu interesse. Prazo de 72hs. Endereço: Rua: Dr. Jose Lourenço  – 2530 – Joaquim  Távora

Nota de pesar

  A PRT-7 manifesta o mais profundo pesar pela morte dos servidores aposentados José Maciel da Silva e José Siqueira de Amorim. José Maciel da Silva faleceu em 22 de janeiro. Sua última lotação foi no Setor de Arquivo desta Procuradoria Regional do Trabalho. O servidor José Siqueira Amorim faleceu em 28 de fevereiro e encerrou a carreira na Secretaria da Coordenadoria de 2º Grau. Ao tempo em que se solidariza com os familiares e amigos, a PRT-7 reconhece a valorosa contribuição de ambos enquanto atuaram nesta instituição.