Pular para o conteúdo principal

Homem é condenado a mais de 13 anos de prisão por homicídio qualificado em Santana do Acaraú

  Justiça do Ceará, por meio do Conselho de Sentença da Vara Única da Comarca de Santana do Acaraú, condenou, Antônio Filho de Maria a 13 anos, 2 meses e 15 dias de reclusão pelo homicídio de um homem na madrugada de 30 de maio de 2022. Ao final do julgamento, realizado nessa terça-feira (18/06), foi definido que a pena deverá ser cumprida inicialmente em regime fechado. De acordo com os autos, a vítima e seu primo estavam voltando para casa após uma partida de futebol quando foram surpreendidos pelo acusado, conhecido de ambos, que exigiu ser levado a uma festa. Ao receber uma resposta negativa, o réu afirmou que iria matá-los. Temeroso, o primo conseguiu entrar na residência, enquanto a vítima permaneceu do lado de fora, onde iniciou uma discussão com o acusado. De acordo com testemunhas, incluindo o tio da vítima, que estava dentro da casa, o acusado desferiu múltiplos golpes, o que causou traumatismo cranioencefálico. Sob efeito de álcool, a vítima não esboçou reação durante o ataq

Prefeitura de Fortaleza realiza ações preventivas contra o inseto barbeiro, transmissor da doença de Chagas

 Prefeitura de Fortaleza realiza constantemente, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), ações de prevenção e combate ao barbeiro _(Trypanosoma cruzi, agente etiológico)_ inseto transmissor da doença de Chagas. O trabalho é realizado pelos agentes de combate às endemias, com estratégias de vigilância e controle de transmissão vetorial, verificação e reconhecimento dos insetos, além de orientação e conscientização à população sobre a doença.

Além das atividades de rotina do Programa de Controle da doença de Chagas, o coordenador de endemias de Fortaleza, Carlos Barbosa, explica que o trabalho também consiste na verificação das residências que acionam a Vigilância Ambiental para verificar a possibilidade da presença do barbeiro.

A doença de Chagas tem como vetores os triatomíneos (insetos) popularmente conhecidos como barbeiros. Em Fortaleza, a espécie predominante capturada é a _Triatoma Rubrofasciata_, que se alimenta, preferencialmente, por meio do sangue de roedores. Até hoje, não há captura registrada, em análises, de inseto infectado com o parasita causador da doença.

“A forma de controle da doença é evitando que o inseto barbeiro forme colônias, ou seja, quando um grupo da mesma espécie passa a se adaptar e se reproduzir no ambiente dentro ou perto das residências”, explica o coordenador. Quando são constatados, os agentes de endemias realizam ações de controle químico vetorial, se necessário, em todos os locais da residência e imóveis circunvizinhos onde possa existir a possibilidade da reprodução do inseto. Quando capturado, o inseto suspeito é coletado para exames de classificação da espécie, teste laboratorial para detectar a presença do parasita da doença no inseto e emissão de laudo.

Ainda segundo o coordenador de endemias, esclarecer a população é fundamental, por meio de atividades de educação em saúde, pois há presença de outros percevejos semelhantes aos triatomíneos, mas que não representam perigo e são comuns em áreas de vegetação da cidade. O surgimento está associado ao período da quadra chuvosa, devido às altas temperaturas, ao aumento da vegetação e em locais como terrenos baldios. O inseto barbeiro vive em regiões onde a doença é endêmica e comum, a exemplo da região norte do País. Mas podem ser encontrados em áreas urbanas.

Balanço

Em 2022, foram realizadas pesquisas de Triatomíneos em 8.435 visitas domiciliares e constatado a presença da espécie T. Rubrofasciata em 13 residências, sendo levados ao laboratório para pesquisa e análise parasitária. Os laudos foram negativos para a presença de Trypanosoma cruzi (T. cruzi), agente etiológico da doença de Chagas. Ao longo do ano, 50 residências foram borrifadas (intradomiciliar ou peridomiciliar) com o inseticida para prevenção e controle.

Até abril deste ano, 1.901 unidades domiciliares já foram pesquisadas. Foi verificada a presença de T. Rubrofasciata em duas unidades, com também análise negativa para doença de Chagas e aplicação de inseticida em quatro imóveis.

Sobre a doença

A doença de Chagas é uma condição causada por um protozoário, o T. Cruzi, transmitido pelas fezes do inseto conhecido como barbeiro. A transmissão ao ser humano não ocorre diretamente pela picada do inseto, se dá pelas fezes que o “barbeiro” deposita sobre a pele da pessoa, enquanto suga o sangue. Geralmente, a picada provoca coceira, e o ato de coçar facilita a penetração do tripanossomo pelo local da picada. O T.cruzi contido nas fezes do “barbeiro” pode penetrar no organismo humano, também pela mucosa dos olhos, nariz e boca ou através de feridas ou cortes recentes existentes na pele.

Tratamento

O tratamento aos pacientes é indicado e acompanhado por um médico, após a confirmação da doença. Para confirmação, é necessária a realização de exame laboratorial, ofertado gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SMS).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CONVOCAÇÃO:

  A SOSERVI - Sociedade de Serviços Gerais Ltda, CNPJ 09.863.853/0010-12, Convoca o funcionário JONAS GADELHA FERNANDES , para comparecer à sede da empresa para resolver assunto de seu interesse. Prazo de 72hs. Endereço: Rua: Dr. Jose Lourenço  – 2530 – Joaquim  Távora

Nota de pesar

  A PRT-7 manifesta o mais profundo pesar pela morte dos servidores aposentados José Maciel da Silva e José Siqueira de Amorim. José Maciel da Silva faleceu em 22 de janeiro. Sua última lotação foi no Setor de Arquivo desta Procuradoria Regional do Trabalho. O servidor José Siqueira Amorim faleceu em 28 de fevereiro e encerrou a carreira na Secretaria da Coordenadoria de 2º Grau. Ao tempo em que se solidariza com os familiares e amigos, a PRT-7 reconhece a valorosa contribuição de ambos enquanto atuaram nesta instituição.