Pular para o conteúdo principal

PROFISSIONAIS SELECIONADOS PARA A EDIÇÃO 2024 DA CASACOR CEARÁ PARTICIPAM DA REUNIÃO OPERACIONAL

  PROFISSIONAIS SELECIONADOS PARA A EDIÇÃO 2024 DA CASACOR CEARÁ PARTICIPAM DA REUNIÃO OPERACIONAL A Reunião Operacional da 26ª edição da CASACOR Ceará recebeu imprensa, profissionais de arquitetura, design de interiores, paisagismo, e empresários parceiros nesta terça-feira, dia 16 de julho, das 14h30 às 18h, no Teatro da Caixa Cultural Fortaleza, localizado na Av. Pessoa Anta, 287, Praia de Iracema. Durante o evento, os convidados tiveram a oportunidade de conhecer os detalhes da CASACOR Ceará deste ano, incluindo o planejamento geral dos ambientes, a equipe de trabalho, os profissionais, os patrocinadores e os parceiros envolvidos no evento. Os participantes da reunião foram recebidos pelos diretores da CASACOR Ceará, Neuma Figueirêdo, Victor Guimarães, Pedro Esdras e Carolina Figueirêdo juntamente com toda a equipe administrativa, comercial e de comunicação da CASACOR Ceará. Durante a ocasião, também foi apresentado o masterplan da mostra, informações operacionais dos patrocinadore

Férias no Dragão traz ampla programação gratuita até domingo (14)

 

Agenda franca inclui shows de Zudizilla e Má Dame no Anfiteatro, inauguração de nova livraria e lançamento de livro, oficinas e curso, atividades no Planetário, novo programa no Cinema e contação de histórias infantis.

Centro cultural da Rede Pública de Equipamentos da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará), gerido pelo Instituto Dragão do Mar (IDM), o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (CDMAC) segue com o Férias no Dragão trazendo uma extensa e diversificada programação, a maior parte dela gratuita. Mais informações podem ser acompanhadas no site do Dragão (www.dragaodomar.org.br).

Ação Sociocultural

Nesta segunda, terça e quarta-feira (8, 9 e 10), às 9h, o Núcleo de Articulação Territorial do Dragão do Mar (NAT) promove a ação de formação em fotografia “Foto Rua”, na Praça Almirante Saldanha. A atividade é voltada para pessoas em situação de vulnerabilidade e tem como objetivo apresentar a possibilidade de captação de imagens sob a ótica desta população, transitando entre questões que envolvem racialidade, gênero e uso de substâncias psicoativas. O acesso é gratuito.

Apresentações cênicas

Nesta semana, o Teatro Dragão do Mar será ocupado diariamente, de terça a domingo, com apresentações de artistas e grupos cearenses de teatro, dança e circo.

Na terça (9) e na quarta (10), às 19h30, o Teatro Dragão do Mar recebe a artista Kaye Djamiliá, com “Akey”. O espetáculo parte, inicialmente, da investigação do lugar do corpo feminino no circo, percebendo que este está sempre relacionado à perfeição ou ao risco de vida, criando ainda uma relação entre o exibicionismo, o erótico, a morte e a desidentificação. Ao friccionar esse lugar, entendendo a própria crise da linguagem, que provocou tantas reinvenções ao longo da sua história, algumas perguntas surgem: quais as técnicas, os aparatos, os equipamentos e as tecnologias que configuram algo como um trabalho circense? Qual o corpo? Quais os suportes para a criação? Qual a matéria? Em Akey, partimos do corpo. O que chega para compor o trabalho, chega a partir do corpo. Um corpo não é vazio. Um corpo é a primeira matéria. “Corpo-de-consciência-da-morte”. O corpo de Akey carrega o contato com a técnica, a partir do desejo de ser outro corpo. Akey carrega o próprio desejo. Akey carrega o mito. A morte. A criação. O ato cósmico. O tensionamento da linguagem a partir do desejo do corpo de encontrar-se com outras matérias. Akey é a chave. Akey é o encontro de matérias. As entradas estão à venda, pelos valores de R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, na Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar) ou na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h).

Na quinta-feira (11), às 19h30, Silvia Moura apresenta a performance “Escutas do Tempo”. Na apresentação, o mundo acelera enquanto nosso corpo pede para nos escutarmos, termos calma e paciência para entender as mudanças. Envelhecer é aprender a escutar o tempo. O tempo escorre rápido por nossas mãos, passamos a ver e a sentir as emoções e os fatos com outros olhos. Aprendemos a apreciar o tempo. Aprendemos a aceitar nossas cicatrizes e rugas como parte significativa da vida. As memórias de tudo que passou toma outros significados. Envelhecer é talvez o tempo em que mais se aprenda sobre viver, buscar sentidos, sobre coisas que pareciam pequenas. Aprender sobre as escolhas, as lutas para ser o que somos. Descobrir que o corpo passa por muitas belezas em cada idade e aceitar a beleza do agora, usufruir do nosso corpo como ele foi se construindo. O tempo de escutar nossos corpos e acolhê-los. Ser tempo, escutando os ruídos de tudo que já passou e assim se preparar para tudo que ainda nos cabe. O acesso é gratuito, com retirada de ingresso 1h antes na bilheteria do Teatro.

 

Seguem também as temporadas. Na sexta-feira (12), às 19h, o coletivo No Barraco da Constância Tem! continua com “Rara”. Na peça, Atlas tropeça e deixa o universo desabar, revelando um vazio-pleno. Esse espaço é um campo de expansão, e tudo vibra nas suas ondulações. Nesta batelada de movimentos ternários, os extremos se encontram no infinito e recriam o não-conhecido ou o sistema das semelhanças. Uma bandeira, um livro, um compasso, um ovo, umas frutas, um cálice, um osso, um cacto, uma caravela, um esquadro, uma poeira e um disco voador. Agir pela não-ação. Perder o lugar da fronteira. Balbuciar a linguagem. Descobrir os barulhos cósmicos. Reagrupar uma sinfonia ao ouvido astuto. Diminuir a distância dos anos-luz. Os ingressos custam R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda na Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar) ou na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h).

Também continua, no sábado (13) e no domingo (14), às 20h, o espetáculo “A Força da Água”. Na nova peça do grupo Pavilhão da Magnólia, com dramaturgia e direção de Henrique Fontes, é traçado o caminho historiográfico da seca no Ceará. Desde as promessas feitas por Dom Pedro, passando pelo genocídio nos campos de concentração e no caldeirão, até o tempo presente, quando descobrimos que a água não é um direito constitucional. A peça de teatro documental, de forma bem-humorada, trata de fatos apagados da história do Brasil em torno da indústria da seca. Os relatos e documentos denunciam aquilo que nos impede de ter acesso à água potável e de qualidade. Até quando aceitaremos? Quando deixaremos nossas águas transbordarem? As entradas podem ser adquiridas na Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar) ou na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h) pelos valores de R$ 15,00 a meia e R$ 30,00 a inteira.

No domingo (14), às 16h, outra peça em cartaz, desta vez para públicos de todas as idades, é “Oz”, do grupo Alumiar Cenas & Cirandas. Na produção, Dorothy cria um mundo onde os desejos se tornam realizáveis: “Oz”. Imagine um sonho tão poderoso que, ao ser compartilhado, ganha cores vibrantes e formas encantadoras, moldadas pela imaginação de cada participante. “Oz” é esse sonho vivo em que os caminhos se desenrolam diante de nós como tijolos dourados, convidando-nos a uma jornada mágica e transformadora. O diferencial desta adaptação é a sensível abordagem ao bullying, um tema que, embora pareça contemporâneo, está presente nas entrelinhas da obra original. Os ingressos estão sendo vendidos na Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar) e na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h), custando R$ 20,00 a meia, R$ 40,00 a inteira e R$ 30,00 + 1kg de alimento o solidário.

Novo espaço

Com funcionamento já iniciado no modelo “abertura suave”, na antessala da sala 1 do Cinema do Dragão, a Livraria Substânsia se prepara para inaugurar, oficialmente, nesta quinta-feira (11), sua loja no Centro Dragão do Mar. A editora, que trabalha exclusivamente com autores e autoras cearenses, funcionará de quarta-feira a domingo, das 15h às 21h. Marcando a inauguração, a jornalista Isabel Costa lançará seu primeiro livro, “Pitaya, o livro do dragão”, às 19h.

Planetário

No mês de julho, o Planetário estreia novas sessões lúdicas sobre Astronomia e Ciências afins. Às quintas e sextas-feiras, são ofertadas as sessões “A Quinca, o Pititi e Albireo” (infantil), às 18h, e “Passaporte para o Universo” (sessão juvenil-adulta acessível em Libras), às 19h. Aos sábados e domingos, são ofertadas quatro sessões, a partir das 17h, com uma sessão a cada hora: “A Quinca, o Pititi e Albireo” (infantil), “Kaluoka’hina – O Recife Encantado” (infantil) às 18h, “Passaporte para o Universo” (sessão juvenil adulta também acessível em Libras) às 19h, e “A Luz e o Berço da Vida” (juvenil-adulta) às 20h. Os ingressos para as sessões custam R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira e podem ser adquiridos no site do Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar) e na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h).

Na quinta-feira (11), às 19h, o Planetário realiza mais um Noite das Estrelas, programa gratuito de observação astronômica a partir de um telescópio especial, disponibilizado ao público em geral para a visualização de crateras da lua, planetas, nebulosas, etc. A participação é por ordem de chegada. A realização do programa fica sujeita às condições de visibilidade, podendo ser interrompida caso o céu esteja nublado.

Já domingo (14), às 16h, o Planetário apresenta mais uma sessão de Música nas Estrelas, programa que combina projeções em fulldome com trilhas musicais. Desenvolvida pela equipe do Planetário Rubens de Azevedo, a sessão conduz o público a uma viagem imaginária pelo tempo e pelo espaço, entre nebulosas, galáxias, constelações, exoplanetas e muito mais, ao som de encantadoras músicas. O acesso é gratuito e livre mediante retirada de convite uma hora antes, na bilheteria do Planetário, sendo disponibilizados 50 lugares por sessão.

Cinema

A partir de quinta-feira (11), o Cinema inicia mais uma cine semana com novidades. As estreias da semana são ‘Caminhos Cruzados’, de Levan Akin, e ‘Maxxxine’, dirigido e roteirizado por Ti West. Na quarta-feira da próxima semana (17), às 19h, na sala 1, acontece a sessão de pré-estreia de ‘Greice’, do cearense Leonardo Mouramateus, com presença da equipe do filme. De quarta a domingo, as sessões regulares custam R$ 8,00 (meia) e R$ 16,00 (inteira). Já as exibições da Sessão Vitrine Petrobrás têm ingressos nos valores de R$ 6,00 (meia) e R$ 12,00 (inteira). As entradas são vendidas na bilheteria física ou na página do Dragão na Ingresso.Com (ingresso.com/cinema/cinema-do-dragao). Às terças, todas as sessões custam R$ 5,00 (meia) e R$ 10,00 (inteira).

Nesta semana, o Cinema do Dragão, a Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes e a Casa Amarela Eusélio Oliveira (Universidade Federal do Ceará) iniciam o “Percursos Curatoriais – Vila/Casa/Cinema”, programa formativo gratuito que será destinado a desenvolver habilidades de curadoria e programação e que culminará na criação de 20 mostras de cinema. Gratuitas, as inscrições para o programa iniciam nesta segunda-feira (8), devendo ser feitas pelo link https://caeo.ufc.br/pt/percursos/ sendo limitadas a pessoas com mais de 18 anos.

Abrindo a agenda de atividades do “Percursos Curatoriais – Vila/Casa/Cinema”, na sexta-feira (12), às 19h, na sala 2 do Cinema, acontece a primeira edição do “Foco Curatorial”, ação onde curadoras convidadas apresentam programas de filmes seguidos de uma fala aberta. Nesta edição, a pesquisadora Janaina Oliveira apresenta um programa de filmes que integrou sua curadoria para o Flaherty Seminar, em 2021. A sessão inclui trabalhos de artistas negros de diferentes continentes, sendo dois filmes do coletivo Sudanese Film Group (SFG), ‘Jamal’ (‘A Camel’) e ‘Jagdpartie’, ambos dirigidos por Ibrahim Shaddad, e os curtas ‘Missing Time’ (Reino Unido, 2020), de Morgan Quaintance, e ‘The Paul Good Papers’, dirigido por Deanna Bowen. Como parte da dinâmica, a convidada Janaína Oliveira falará sobre o programa de filmes exibido e a curadoria apresentada no Flaherty. A pesquisadora comentará ainda a respeito de sua trajetória e pensamento sobre curadoria em cinema. A participação é gratuita, mas é preciso retirar convite uma hora antes da sessão, na bilheteria do Cinema.

Música

Neste sábado (13), a partir das 19h30, dois talentosos rappers sobem ao palco do Anfiteatro Sérgio Motta. Abrindo a noite, a rapper cearense Má Dame apresenta o show “Codinome Rosatômica”, que traz em sua composição e execução os demais elementos da cultura hip hop, como break, artes visuais e DJ, além de poesia e o famoso “passin do reggae”. A apresentação foi toda idealizada pela cantora e conta com participação e protagonismo de poetas e artistas de Fortaleza. Na sequência, Zudizilla apresenta “EGOT – Quarta Parede”. Acompanhado de banda, o músico traz as músicas do álbum “Zulu: Quarta Parede (Vol. 3)”, que encerra a trilogia de ópera preta criada pelo artista. O acesso será mediante a doação de 1kg de alimento não perecível (exceto sal). As doações serão destinadas à Unidade Central do Ceará Sem Fome, iniciativa que integra a Campanha Ingresso Solidário, realizada pelo Governo do Ceará, por meio da Secult Ceará em conjunto com o Programa Ceará Sem Fome, para promover a arrecadação de alimentos nos eventos da Rede Pública de Espaços e Equipamentos Culturais do Ceará (Rece), para atender pessoas em situação de vulnerabilidade, via entidades credenciadas, com a distribuição de cestas básicas.

Além do show, o Dragão do Mar, em parceria com o Hub Cultural Porto Dragão, realiza, na quinta-feira (11), às 19h, uma partilha sobre vivências e processos criativos com Zudizilla. A ação acontece no Teatro B. de Paiva e faz parte das comemorações do aniversário de cinco anos do Porto Dragão. O acesso é gratuito.

Outra iniciativa coletiva que vai render uma programação imperdível será o Parque Dragão em Festa, fruto de parceria entre o Dragão e o Hub Porto Dragão e a Kingston 085. No sábado (13), a partir das 15h30, a animação tomará conta da Rua José Avelino (em frente à Kingston 85), com um fim de tarde de samba e pagode na vizinhança, com Numalaje, Lolost, DDZIN, Gabi Nunes e Pagode no Sigilo. Também é gratuito.

Museus

Exposições

Gratuitas, as visitas aos Museus do Dragão podem ser feitas das 9h às 18h (último acesso às 17h30), de quarta a sexta, e das 13h às 18h (com acesso até as 17h30) aos sábados e domingos.

No MCC, podem ser conferidas a exposição de longa duração “Vaqueiros”, que apresenta o encantador da cultura sertaneja, e “Museu da Mão”, fruto de parceria com o Museu de Arte Interplanetária (MAI), concebida pelo artista paulistano Rubens Matuck. “Museu da Mão” reúne mais de 400 itens, entre ferramentas, esculturas em madeira, pinturas, desenhos, gravuras, cadernos de viagens, HQs no formato de livros, peças em geral feitas à mão, fruto de trocas, reciclagens e compras feitas por Rubens Matuck em viagens pelo Brasil e pelo exterior nos últimos 40 anos, muitas delas compartilhadas com o artista visual cearense Aldemir Martins, homenageado na exposição como seu mestre e grande incentivador da arte brasileira.

O MAC-CE, por sua vez, segue com quatro exposições. “Anas, Simôas e Dragões: Lutas Negras pela Liberdade”, coletiva com curadoria e pesquisa de Ana Aline Furtado e Cícera Barbosa, que reúne peças do acervo do Museu do Ceará e trabalhos de Adriana Clemente, Alexia Ferreira, Blecaute, Cecília Calaça, Clébson Francisco e Paula Trojany, em homenagem a lideranças que tiveram papel fundamental na libertação de escravos no Ceará, mas que historicamente foram apagadas pela História. Também estão em exposição trabalhos oriundos de projetos selecionados a partir da convocatória Cena Ocupa e que têm em comum o deslocamento de sertões, chapadas, florestas e urbanidades, lugares de nascimento, passagens e moradas para investigar a natureza dos corpos, das plantas, da terra e do céu. As exposições do Cena Ocupa são “Cansanção em Flor”, uma coletiva das artistas Dinha Fonsêca, Andréa Sobolive, Williana Silva, Maria Macêdo e Eliana Amorim, as duas últimas também curadoras; “Escuta Sensível das Plantas”, de Lyz Vedra, e “Trava da Peste: linda quanto sol”, de Isadora Ravena, as duas últimas individuais com curadoria de Lucas Dilacerda.

Ações Educativas

No sábado (13), às 15h30, na Varanda dos Museus, via programa No Ceará Tem Disso Sim: Patrimônios Culturais Africanos e Indígenas, o Museu da Cultura Cearense apresenta a vivência educativa “Boneca Abayomi: entre tecidos e ancestralidade”, que será conduzida pela pedagoga e especialista em Arte Educação e Cultura Popular Samia Holanda. Serão ofertadas vagas para o público infantil, jovens e adultos negros,as,es, interessados na temática e público diverso. A entrada é gratuita e livre. A oficina integra a programação do Dragão alusiva ao Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra, comemorado no dia 25 de julho.

O Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC-CE) traz, em julho, mais um curso gratuito de “Introdução às Artes Visuais”, que será ministrado pelo artista visual, docente e pesquisador Rafael Carvalho, às terças-feiras do mês (dias 9, 16 e 23), das 9h às 13h, na Sala Experimental Educativo do MAC-CE. As inscrições foram encerradas na última sexta-feira (5).

Feirinha

Como todos os sábados, a feirinha Fuxico no Dragão reúne expositores de produtos criativos e artesanais, das 16h às 20h, na Arena Dragão do Mar.

Dragão Encantado

Domingo (14), na Praça Verde, além do Brincando e Pintando no Dragão, com programação especial, a partir das 16h, para a criançada e toda a família, com brincadeiras e atividades lúdicas, Júlia Barros e Almir Mota apresentam o espetáculo “Contos para Brincar”, um repertório dedicado às crianças pequenas, cheio de histórias divertidas, brinquedos cantados e adivinhas. O acesso é gratuito e livre.

No mês de julho, em adição ao Brincando e Pintando tradicional, no Dragão do Mar, o projeto também será levado para alguns bairros vizinhos ao centro cultural. A primeira edição acontece neste sábado (13), às 9h, na Igreja Revival, na comunidade Moura Brasil. A novidade funcionará de modo a construir vivências intergeracionais e estimular o senso de coletividade e pertencimento, com brincadeiras ao ar livre e espaço seguro para expressão corporal e criativa. A entrada é gratuita.

Programação

Sessões no Cinema do Dragão de terça a domingo, a partir das 13h40.

Exposições gratuitas no MCC e no MAC-CE de quarta a sexta, das 9h às 18h (último acesso às 17h30), e aos sábados e domingos, das 13h às 18h (com acesso até as 17h30).

9 de julho (terça-feira)

9h – [Parceria Sesc e Escola Porto Iracema das Artes] Oficina “Foto Rua”, com Gustavo Costa
Na Praça Almirante Saldanha
Atividade gratuita direcionada para pessoas em situação de rua. Duração: 120 min

9h às 13h – Curso “Introdução às Artes Visuais”, com Rafael Carvalho
Na Sala Experimental do Núcleo Educativo do Museu de Arte Contemporânea do Ceará
Acesso gratuito para inscritos confirmados.

19h30 – Apresentação circense “Akey”, da artista Kaye Djamiliá
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão. Duração: 60 min. Classificação: 14 anos

10 de julho (quarta-feira)

9h – [Parceria Sesc e Escola Porto Iracema das Artes] Oficina “Foto Rua”, com Gustavo Costa
Na Praça Almirante Saldanha
Atividade gratuita direcionada para pessoas em situação de rua. Duração: 120 min

19h30 – Apresentação circense “Akey”, da artista Kaye Djamiliá
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão. Duração: 60 min. Classificação: 14 anos

11 de julho (quinta-feira)

18h – Sessão “A Quinca, o Pititi e Albireo” (infantil)
19h – Sessão “Passaporte para o Universo” (infanto-juvenil acessível em Libras)
No Planetário Rubens de Azevedo
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão. 65 lugares

19h às 21h – Noite das Estrelas
Nas imediações do Planetário
Acesso gratuito e livre por ordem de chegada. Atividade sujeita às condições do tempo.

19h – Inauguração da livraria Substânsia + Lançamento de “Pitaya, o livro do dragão”, da jornalista Isabel Costa
Na antessala da sala 1 do Cinema do Dragão
Acesso gratuito.

19h – [parceria Hub Cultural Porto Dragão] Partilha sobre vivências e processos criativos com Zudizilla + roda de conversa com artistas
No Teatro B. de Paiva do Hub Cultural Porto Dragão
Acesso gratuito

19h30 – Performance “Escutas do Tempo”, com Silvia Moura
No Teatro Dragão do Mar
Acesso gratuito e livre mediante retirada de ingresso 1h antes na bilheteria do Teatro. Duração: 60 min

12 de julho (sexta-feira)

18h – Sessão “A Quinca, o Pititi e Albireo” (infantil)
19h – Sessão “Passaporte para o Universo” (infanto-juvenil acessível em Libras)
No Planetário Rubens de Azevedo
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão. 65 lugares

19h – Espetáculo “Rara”, do grupo “No barraco da Constância tem!”
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão.
Duração: 60 min. Livre

19h – [Parceria Vila das Artes e Casa Amarela Eusélio Oliveira] “Percursos Curatoriais – Vila/Casa/Cinema” – “Focos Curatoriais” com Janaína Oliveira
Na sala 2 do Cinema do Dragão
Acesso gratuito mediante retirada de ingresso na bilheteria do Cinema, uma hora antes

13 de julho (sábado)

9h – [Parceria Núcleo de Patrimônio do Moura Brasil] Brincando e Pintando na Vizinhança
Na Igreja Revival, na comunidade Moura Brasil
Acesso gratuito e livre

15h30 – [Parceria HUB Cultural Porto Dragão + Kingston 85] Numalaje + Lolost + DDZIN + Gabi Nunes + Pagode no Sigilo
Na Rua José Avelino, 508 (em frente à Kingston 85)
Acesso gratuito e livre. Duração: 240 min

15h30 – [Alusão ao Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra] Vivência educativa “Boneca Abayomi: entre tecidos e ancestralidade”, com Samia Holanda
Na Varanda dos Museus
Acesso gratuito e livre mediante inscrição via formulário bit.ly/inscricoesnomcc ou na administração do Museu da Cultura Cearense. 30 vagas

16h – Feira Fuxico no Dragão
Na Arena Dragão do Mar
Acesso gratuito e livre. Duração: 240 min

17h – Sessão “A Quinca, o Pititi e Albireo” (infantil)
18h – Sessão “Kaluoka’hina – O Recife Encantado” (infantil)
19h – Sessão “Passaporte Para o Universo” (infanto-juvenil acessível em Libras)
20h – Sessão “A Luz e o Berço da Vida” (juvenil-adulta)
No Planetário Rubens de Azevedo
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão. 65 lugares

19h30 – Shows de Má Dame, com “Codinome Rosatômica” e Zudizilla, com “EGOT – Quarta Parede”
No Anfiteatro do Dragão
Ingresso solidário 1kg de alimento não perecível (exceto sal).
Duração: 90 min. Classificação: 16 anos

20h – Espetáculo “A Força da Água”, do grupo Pavilhão da Magnólia
Texto e direção de Henrique Fontes
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 15,00 a meia e R$ 30,00 a inteira, à venda na bilheteria física do Dragão ou na bilheteria virtual (https://site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar/).
Duração: 70 min. Classificação: 14 anos.

14 de julho (domingo)

16h às 19h – [Dragão Encantado] Brincando e Pintando no Dragão
Na Praça Verde
Acesso gratuito e livre

16h – Espetáculo “Oz”, do Grupo Alumiar Cenas e Cirandas
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 20,00 a meia e R$ 40,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão.
Duração: 90 min. Classificação: livre

16h – Música nas Estrelas
No Planetário Rubens de Azevedo
Acesso gratuito mediante retirada de convite uma hora antes na bilheteria do Planetário. 50 lugares. Duração: 30 min. Livre

17h – Sessão “A Quinca, o Pititi e Albireo” (infantil)
18h – Sessão “Kaluoka’hina – O Recife Encantado” (infantil)
19h – Sessão “Passaporte Para o Universo” (infanto-juvenil acessível em Libras)
20h – Sessão “A Luz e o Berço da Vida” (juvenil-adulta)
No Planetário Rubens de Azevedo
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar), além da bilheteria física no Dragão. 65 lugares

17h30 – Contação de histórias “Contos para Brincar”, com Almir Mota e Júlia Barros
Na Praça Verde
Acesso gratuito e livre. Duração: 50 min

20h – Espetáculo “A Força da Água”, do grupo Pavilhão da Magnólia
Texto e direção de Henrique Fontes
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 15,00 a meia e R$ 30,00 a inteira, à venda na bilheteria física do Dragão ou na bilheteria virtual (https://site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar/).
Duração: 70 min. Classificação: 14 anos

Serviço:

Programação do Centro Dragão do Mar entre 8 e 14 de julho de 2024
Horários diversos
Local: Espaços diversos do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (Rua Dragão do Mar, 81, Praia de Iracema – Fortaleza – CE)
Mais informações no site www.dragaodomar.org.br e no Instagram @dragaodomar

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Endereços dos cines pornôs gays no Centro de Fortaleza

 ENDEREÇO DOS CINES DE FORTALEZA (CE) ☆CINE ARENA RUA MAJOR FACUNDO 1181 ☆CINE AUTORAMA RUA MAJOR FACUNDO 1193 ☆CINE MAJESTICK RUA MAJOR FACUNDO 866 ☆CINE SECRET RUA METON DE ALENCAR 607 ☆CINE SEDUÇÃO  RUA FLORIANO PEIXOTO 1307 ☆CINE IRIS  RUA FLORIANO PEIXOTO 1206 CONTINUAÇÃO ☆CINE ENCONTRO RUA BARÃO DO RIO BRANCO 1697 ☆CINE HOUSE RUA MENTON DE ALENCAR 363 ☆CINE LOVE STAR RUA MAJOR FACUNDO 1322 ☆CINE VIP CLUBE RUA 24 DE MAIO 825 ☆CINE ECLIPSE RUA ASSUNÇÃO 387 ☆CINE ERÓTICO RUA ASSUNÇÃO 344 ☆CINE EROS RUA ASSUNÇÃO 340

CONVOCAÇÃO:

  A SOSERVI - Sociedade de Serviços Gerais Ltda, CNPJ 09.863.853/0010-12, Convoca o funcionário JONAS GADELHA FERNANDES , para comparecer à sede da empresa para resolver assunto de seu interesse. Prazo de 72hs. Endereço: Rua: Dr. Jose Lourenço  – 2530 – Joaquim  Távora

Nota de pesar

  A PRT-7 manifesta o mais profundo pesar pela morte dos servidores aposentados José Maciel da Silva e José Siqueira de Amorim. José Maciel da Silva faleceu em 22 de janeiro. Sua última lotação foi no Setor de Arquivo desta Procuradoria Regional do Trabalho. O servidor José Siqueira Amorim faleceu em 28 de fevereiro e encerrou a carreira na Secretaria da Coordenadoria de 2º Grau. Ao tempo em que se solidariza com os familiares e amigos, a PRT-7 reconhece a valorosa contribuição de ambos enquanto atuaram nesta instituição.