Retomada da economia cearense é tema de live realizada pelo Ibef-Ceará nesta terça-feira (16)



Nesta terça-feira (16/06), o Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças do Ceará (Ibef-Ce) continua a série de lives em suas redes sociais. Para o bate papo desta semana, estarão à frente o ex-secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado do Ceará, Élcio Batista, e o vice-presidente do Ibef Ceará, Delano Macedo. A explanação traz como tema “Ceará - Retomada das atividades". A transmissão é gratuita e tem início às 18h, por meio da plataforma Zoom no link: https://bit.ly/2C1TaXz e também será compartilhado no canal do Youtube do Ibef Ceará.

Durante a transmissão, os especialistas irão abordar o processo de abertura da economia cearense, após o isolamento social rígido definido pelo Governo. Inúmeros setores foram impactados e tiveram que se adaptar a esse momento, alguns saíram fragilizados e outros mais forte. “Todos estão ansiosos para voltar ao trabalho dentro de um novo normal, mas cientes das cautelas necessárias, além de ser muito importante acompanhar os impactos desse movimento e avaliar se as medidas irão surtir os efeitos esperados, fazendo os ajustes que couberam,” explica Delano Macedo.

Sobre o Ibef-Ceará 
O Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças é uma instituição nacional, sem fins lucrativos, que reúne os principais executivos de finanças do Estado do Ceará. Com o intuito de promover eventos em parceria com grandes empresas em diversos setores da economia brasileira, o Ibef reúne atualmente cerca de 4.500 profissionais e está presente em Brasília, Belo Horizonte, Campinas, Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, Fortaleza, Pernambuco e Vitória.
 
Serviço

Live: “Ceará - Retomada das atividades".
Data: 16/06 (terça-feira)
Horário: 18h
Com Élcio Batista, ex-secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado do Ceará e Delano Macedo, vice-presidente do Ibef-Ceará.
Link Zoom << https://bit.ly/2C1TaXz
Gratuito

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Terreno na Dom Luís é bloqueado pela justiça